Trabalho sem carteira assinada

Devido às inúmeras mudanças no setor do trabalho, as quais estamos passando, ainda mais agora devido a pandemia. Junto a isso, muitas pessoas que estão desempregadas, estão aderindo a vagas de trabalho sem carteira assinada.

Contudo, muitas dúvidas surgem sobre qual tipo de contrato seguir de acordo com o tipo de serviço prestado.

Pensando nisso, separamos aqui os tipos de contrato de trabalho sem carteira assinada para que você possa entender mais sobre o assunto e decidir se vale ou não a pena seguir sua jornada de trabalho com essas características. Veja mais a seguir e tire todas as suas dúvidas.

Carteira assinada

Através de um contrato consolidado pelas leis trabalhistas, a carteira assinada é uma segurança para o trabalhador sobre seus direitos.

Nesse contrato tem todas as funções pertinentes ao cargo que está sendo oferecido, salário, escala de trabalho, remunerações adicionais como adicional noturno, é porcentagem paga por hora extra trabalhada.

Suas principais vantagens estão no momento de desligamento com a empresa e também em casos de doenças, gestações e acidentes.

Trabalho sem carteira assinada

Agora que você já entendeu o que é um trabalho com carteira assinada, chegou o momento de ver a diferença entre o trabalho sem carteira assinada.

Ultimamente, esta modalidade de vagas está bem comum de ser encontrada. Com um número maior de pessoas jurídicas, algumas pessoas físicas também podem trabalhar nesta modalidade, como os estagiários, por exemplo.

Contudo, você pode adquirir o MEI com nenhum investimento inicial, apenas com um custo baixíssimo mensal devido a impostos. Lembrando que este valor é fixo!

Uma grande vantagem desse setor, é que você ganha por quantidade de serviços prestados, ou seja, você pode faturar muito mais do que um simples salário ganho em uma empresa. Porém, a dedicação para tudo dar certo aqui precisa ser maior.

Os contratos sem vínculo empregatício não te dão direitos trabalhistas, a não ser que você seja no mínimo um MEI.

Tipos de contratos

Dentre os tipos de contrato para trabalho sem carteira assinada estão:

Contrato por tempo determinado: quando se tem uma data prévia para seu término. Contudo, o trabalhador não possui os mesmos direitos de um contrato por tempo indeterminado.

Contrato eventual: muito utilizado para prestadores de serviços que realizam serviços esporádicos, o contrato eventual pode ser utilizado por pintores, jardineiros, pedreiros, entre outros.

Contrato de trabalho terceirizado: sem vínculos trabalhistas, é a empresa contratante que assina este tipo de contrato fornecido pelo prestador de serviço.

Contrato de estágio: é um termo de compromisso entre o estudante e a empresa que deu uma oportunidade dele adquirir experiência na área de trabalho.

Contrato de trainee: não sendo uma vaga de emprego, mas este tipo de contrato se assemelha muito ao contrato de estágio. Contudo, apenas pessoas entre 21 e 30 anos recém-formados podem aderir a esta modalidade de contrato para que possam ganhar experiência na área.

Trabalho sem carteira assinada vale a pena?

Tudo dependerá da sua forma de trabalho, já que ambos os estilos de trabalho possuem suas vantagens e desvantagens.

Hoje, muitas pessoas estão optando por não trabalhar sem carteira assinada, pois estão dando preferência a prestações de serviços. Já que esta modalidade não necessita de um vínculo empregatício fixo com apenas uma empresa, mas sim com várias. Nesse caso, o contrato de trabalho é a melhor opção e não a carteira de trabalho assinada.

Por isso, estude muito bem as suas possibilidades e quantidade de trabalho, para ver qual modalidade mais compensa a você.

Outra grande vantagem de trabalhar sem vínculo empresarial, é que além de prestar serviço a diversas empresas, você mesmo faz o seu preço por dia de serviço ou hora trabalhada. Inclusive, pagando a GARE e todos os impostos necessários para se manter como PJ, você também tem os direitos referentes a férias, décimo terceiro, FGTS, INSS, licença maternidade e todos os outros direitos que uma pessoa de carteira assinada possui.

Em contrapartida, como você não possui vínculo algum com a empresa, caso você esteja prestando algum serviço a ela de longo prazo, saiba que o direito a férias pode ser negado por essa empresa que te contratou. Além disso, também é possível recorrer a aumentos anuais sobre o valor pago de seu contrato de trabalho. Por isso, tudo deve ser bem conversado e bem alinhado.

Outra desvantagem do trabalho sem carteira assinada, é que você não possui uma renda fixa mensal. Então, se você não conseguir algum tipo de serviço para prestar durante esse tempo, você não terá o valor mensal desejado. Mas, pode haver meses que você consiga um bom faturamento, o que acaba compensando os meses de escassez.

Se está na dúvida sobre ter um trabalho sem carteira assinada, experimente! Faça um teste de ao menos 3 meses, depois volte aqui para contar pra gente qual foi a sua experiência.

Mas lembre-se, é preciso de muito planejamento financeiro e uma ação de marketing para que você já consiga bastante serviço assim que começar a sua nova jornada.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.