Como fazer emissão CNPJ

A emissão CNPJ é um importante passo para regularizar e formalizar uma empresa. Para tal, é necessário ir ao site da Receita Federal (RF) e fazer o cadastro ou, caso queira, contratar um profissional. Na página, há um passo a passo de como fazer o cadastro.

Ao realizar o cadastramento, você prova que a empresa está ativa, que existe. O número é como se fosse um CPF, mas no caso, é uma pessoa jurídica. Existem cerca de 4,5 milhões de empreendimentos cadastrados atualmente na Receita Federal.

Existe um modo simples de fazer a emissão CNPJ através do site RedeSim, disponibilizado pelo Governo. A abertura de empresas ficou muito mais fácil, ágil e instintiva.

Pode-se consultar no site, se existe, por exemplo, uma empresa com o mesmo nome. O cadastro é feito preenchendo os campos com o ramo de atividade e a localização do negócio. Para fazer o cadastro é importante informar o endereço, quadro de sócios, atividade, entre outros.

Órgãos como juntas comerciais, cartórios de registro civil de pessoas jurídicas ou a OAB, tem suas informações incorporadas ao processo, sendo feito tudo em um só lugar, desburocratizando o cadastro.

Ao se constituir a pessoa jurídica, ela receberá o cadastro, o CNPJ. Desta maneira, seu empreendimento estará em vias de ser formalizado. Através do site da RedeSim você cadastra rapidamente o seu CNPJ.

Haverá uma análise de suas informações feitas pelo órgão regulador. Com ela, busca-se ter conhecimento de dados e saber se o estabelecimento possui requerimentos necessários como segurança sanitária, controle ambiental, prevenção contra incêndios, pânico, entre outros.

Os órgãos reguladores são interligados pela RedeSim, desta forma o cadastro é simplificado. Em apenas uma página, é possível preencher todas as informações que são necessárias para se abrir uma empresa. No entanto, há de se observar se a RedeSim está presente em sua cidade.

Para realizar a emissão CNPJ

Pode-se fazer o cadastro para se ter diversas vantagens que um negócio informal não pode ter, como por exemplo, a possibilidade de emitir notas fiscais. O cadastro prova a existência de sua empresa e mostra a seus clientes e parceiros que você está em dia com as suas obrigações legais.

Pode-se conseguir empréstimos para a sua empresa. Desta forma, você tem em suas mãos a possibilidade de se fazer investimentos e a desenvolver o seu negócio, algo que não pode fazer estando informal. Existem muitas linhas de crédito destinadas às empresas.

Tendo um cadastro, você pode fazer contribuições para a previdência, sendo importantíssimo para garantir uma aposentadoria futuramente. Há ainda, previstos por lei o auxílio-doença e a licença maternidade que são contemplados pelo INSS.

Entre as vantagens de se ter um cadastro na Receita Federal, destacam-se a garantia dos direitos trabalhistas para seus empregados e colaboradores. Ademais, os benefícios e deveres são inúmeros.

Através do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica, a empresa passa a emitir notas fiscais, abrir contas bancárias, pedir empréstimos, participar de licitações públicas, registrar seus funcionários e a pagar tributos.

O registro público de uma empresa é seu CNPJ. Parecido com uma certidão de nascimento, ele prova que seu negócio existe e que está em atividade. A pessoa que fizer uma consulta ao seu cadastro, verá que o negócio é sério e que tem credibilidade.

Como fazer a consulta ao CNPJ

É gratuita e pública a consulta ao CNPJ de uma empresa. O site da Receita Federal permite que qualquer pessoa com os números cadastrados possa consultar determinado empreendimento.

O serviço se chama Emissão de Comprovante de Situação Cadastral. No site da Receita Federal, você preenche o campo destinado às informações com o número do CNPJ e clique em consultar. Em pouco tempo você tem em mãos os dados referentes à consulta que está realizando.

Assim sendo, consultar uma empresa é uma boa oportunidade para se saber com quem você está lidando ao realizar um negócio. Assim você evita fraudes e golpes, tornando a realização das transações comerciais muito mais segura.

Conclusão

Abrir uma empresa é uma grande responsabilidade. Ter um cadastro na Receita Federal permite que você faça negócios com mais segurança sendo regulamentado e formalizado. Desburocratizar o processo de abertura de empresas facilitou a vida dos empresários, sendo rápido, ágil e fácil ter uma emissão CNPJ.

Pode-se abrir uma empresa atualmente pela internet. Tendo alguns documentos em mãos que provarão que seu empreendimento existe, que tem endereço, nome e contato, você entra na formalidade.

Ao se ter um trabalho autônomo, muitas vezes você busca desenvolver seu negócio, dessa forma, ter um CNPJ é uma boa ideia, pois garante um crescimento do negócio de acordo com os trâmites legais.

Existe a consulta ao cadastro gratuita, mas há também a paga, que vem com informações mais detalhadas do negócio. Essa consulta dá uma ainda maior segurança ao empresário.

O cadastro é uma boa oportunidade de ter seu negócio formalizado e assim, garantir direitos e deveres à sua empresa.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.