Copa do Mundo: como funcionarão os expedientes durante os jogos do Brasil?

A Copa do Mundo é sempre marcada por grande euforia, unidade e confraternizações. É o momento em que todos se unem para torcer pelo seu país, deixando as diferenças de pensamento, política, religião de lado e dando lugar ao amor à pátria.

Se é bem verdade que há essa unidade, é fato também que todos esperam que seja feriado a cada partida que o Brasil vai jogar. Mas será que conceder isso aos funcionários é obrigatório para os gestores, diretores e chefes?

Como devem ser os expedientes durante a Copa? É sobre isso que falaremos neste artigo. Então, se você quer saber como devem proceder as empresas fabricantes de máquinas de sorvete e todas as demais empresas durante a Copa, continue lendo!

É obrigatório a liberação dos funcionários na Copa?

A Copa do Mundo da FIFA 2022 é um dos eventos mais esperados para o Brasil e para o mundo, todos estavam aguardando ansiosamente para finalmente começarem os jogos. A busca pelo hexa continua e ferve no coração dos brasileiros. 

No entanto, por mais que seja um evento especial e super esperado por todos, não é obrigatório as empresas liberarem seus funcionários durante as partidas em que o Brasil estará à frente, nem em nenhum outro dia de jogo.

Ou seja, isso significa que a decisão cabe a cada empresa conceder a liberação ou não aos seus funcionários.

Seja em uma empresa fabricante de sacolas personalizadas kraft ou uma instituição de ensino, a resposta é a mesma: cada organização deve definir se libera ou não para assistir aos jogos.

No entanto, mesmo na ausência de uma decisão oficial, as instituições privadas podem definir suas próprias regras, e podem sim liberar os colaboradores para assistir jogos em suas casas ou se reunirem com familiares e amigos para assistir.

É sobre isso que iremos abordar no próximo tópico!

Como as empresas podem proceder durante a Copa? 

Mesmo com tanta euforia e ansiedade para assistir às partidas do Brasil contra outros países, as empresas podem acalmar os ânimos realizando algumas medidas para que não haja acúmulo de demandas de tarefas e ao mesmo tempo os colaboradores fiquem felizes.

Vamos entender isso também nos próximos tópicos a seguir.

Disponibilizar espaços para assistir aos jogos

Essa é sem dúvida uma das principais medidas que as empresas estão realizando durante a Copa do Mundo para que os colaboradores possam ficar satisfeitos mesmo com a não liberação.

Ou seja, disponibilizar espaço para os funcionários assistirem aos jogos ao vivo é uma possibilidade para as empresas poderem tomar medidas mais equilibradas durante as partidas em que o Brasil estará em campo.

Por exemplo, vamos supor que uma empresa fabricante de tubo de alumínio para ar comprimido possui um espaço muito grande no armazém onde ficam todas as máquinas.

Esse espaço pode ser transformado em um local de torcida para que os colaboradores assistam às partidas durante a Copa, seja em um telão com projetor ou uma TV grande que a empresa pode dispor para esses dias.

Conceder trabalho home office

Mesmo colocando um super telão no ambiente de trabalho e concedendo lanches como um grande pote de sorvete atacado, é fato que os colaboradores preferem ir para casa para assistirem as partidas.

Mesmo que seja só para compartilhar os momentos com os amigos e familiares, por exemplo, ao perguntar aos colaboradores sobre suas preferências, com certeza essa será uma das respostas.

Pensando nisso, há uma possibilidade para que isso aconteça sem comprometer as demandas do trabalho. Por exemplo, as empresas podem permitir que durante esses dias de Copa, o trabalho seja feito em home office, ou seja, em casa.

Logo, uma empresa de impressora jato de tinta pode solicitar demandas administrativas para que seus colaboradores possam trabalhar de suas casas.

E se o colaborador quiser faltar?

Essa é uma questão importante que deve ser analisada pelas empresas nesses dias de Copa do Mundo. Afinal, sempre existe um fanático por futebol que pode querer faltar durante esses dias sem justificativas plausíveis.

Segundo o advogado Daniel Silva, as empresas podem fazer isso de forma passiva, sem gerar problemas em relação ao cumprimento de horas de trabalho dos colaboradores.

Ou seja, de acordo com o advogado, se for possível conceder folga, o empregador deverá fazer acordo com o empregado para que haja uma compensação posterior, conforme cláusulas estabelecidas nas leis empresariais.

Caso contrário, o funcionário não poderá faltar aos dias de jogos brasileiros, pois esses dias não são considerados feriados e as faltas injustificadas inevitavelmente resultam em descontos por dias não trabalhados.

Por outro lado, o advogado afirma que os trabalhadores não podem ser despedidos por faltar uma vez por causa do jogo, mas apenas recebem desconto pelo dia em que não trabalharam.

A questão é que a demissão seria uma penalidade desproporcional à ação do colaborador que falta por causa de um jogo.

É por isso que as empresas devem se preparar para esses dias de Copa do Mundo a fim de não terem surpresas desagradáveis com os colaboradores.

Mas sem dúvida as melhores empresas éticas do mercado, seja uma empresa de fabricação de plástico ou uma empresa de aluguel de compressor, saberão lidar muito bem com essas questões que podem ocorrer durante este super evento futebolístico.

Ou seja, as empresas conscientes e que prezam pela empatia e bem-estar dos funcionários podem tomar medidas como:

  • Conversar com os funcionários;
  • Fazer acordos com colaboradores que queiram faltar;
  • Ouvir as opiniões dos funcionários e o que eles querem;
  • Facilitar para todos assistirem aos jogos, mesmo no trabalho.

Essas medidas podem evitar problemas e complicações entre colaboradores e gestores, promovendo a paz durante os dias de Copa.

Como vão funcionar os jogos brasileiros?

A Seleção Brasileira faz sua estreia contra a Sérvia na quinta-feira, 24 de novembro. De acordo com o calendário, de todos os jogos em que o Brasil está em campo, a maioria ficou para os dias de semana e durante a tarde.

Com isso, como as datas de jogos no Brasil não são consideradas feriados ou nem mesmo facultativo pela legislação trabalhista, então cada empresa pode desenvolver formas de tornar a jornada de trabalho mais tranquila durante as partidas.

A compensação por horas trabalhadas, folgas e jornadas reduzidas pode ser uma alternativa eficaz, que pode beneficiar os trabalhadores sem prejudicar o dia a dia da produção de uma empresa fornecedora de impressora 3D industrial, por exemplo.

Funcionários públicos param cedo?

Se por um lado as regras trabalhistas para as empresas privadas não concedem feriados para os colaboradores se ausentarem para assistir aos jogos ao vivo, por outro no setor público os horários irão ser afetados pelos jogos.

Ou seja, instituições e entidades públicas, de acordo com uma portaria do Ministério da Economia de 11 de novembro de 2022, estipula que as instituições públicas podem parar de funcionar duas horas antes do início dos Jogos Olímpicos no Brasil.

O código também prevê a possibilidade de não funcionar em dias de jogos a partir do meio-dia.

Talvez os colaboradores de empresas privadas possam se sentir violados em relação aos colaboradores e funcionários públicos, no entanto é preciso lembrar o que são normas diferentes para cada uma das organizações.

Portanto, quanto mais os colaboradores entenderem bem essas questões de normas e leis trabalhistas tanto no setor público como no setor privado, evitarão dores de cabeça e reclamações desnecessárias aos gestores diretores.

Os bancos terão expediente especial?

A Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN) informou que nos dias de jogos da Seleção Brasileira de Futebol pela Copa do Mundo de 2022, os bancos terão horários especiais de atendimento ao público em suas agências, mas que irão funcionar online normalmente.

Essa foi uma decisão que levou em consideração vários aspectos importantes, como a questão de segurança e transmissão de valores das agências.

E tudo foi decidido de acordo com a Resolução nº 4.880, de 23 de dezembro de 2020, do Conselho Monetário Nacional, que autoriza as instituições financeiras a estabelecerem o horário de funcionamento de suas filiais.

Mas é importante destacar que todos os canais digitais e virtuais dos bancos, como internet banking das instituições bancárias brasileiras, bem como os autoatendimentos, funcionarão normalmente nos dias de jogos da Seleção Brasileira, a critério de cada instituição.

Considerações finais

Assim como é importante respeitar os valores de uma locação de gerador preço de mercado, é preciso respeitar as diretrizes e normas trabalhistas impostas para o funcionamento do horário durante a Copa do Mundo.

Sem dúvidas, independentemente de qual empresa você trabalhe, todos terão a oportunidade de desfrutar dos jogos e torcer animadamente.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.