O que preciso fazer para emitir nota fiscal MEI?

Para emitir nota fiscal como MEI (Microempreendedor Individual), você deve seguir os seguintes passos:

  1. Verifique se você está habilitado a emitir nota fiscal como MEI. Para isso, é preciso que você tenha se inscrito como MEI e esteja em dia com o pagamento das obrigações tributárias, como o DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional).
  2. Escolha um programa ou sistema de emissão de nota fiscal eletrônica. Existem diversas opções disponíveis, tanto gratuitas quanto pagas, que podem ser usadas pelos MEIs. Algumas opções incluem o Sistema Público de Escrituração Digital (SPED), o Sistema de Emissão de Nota Fiscal Eletrônica (SEI) e o Sistema de Emissão de Nota Fiscal Eletrônica para Pequenas Empresas (SIMEI).
  3. Faça o cadastro no sistema escolhido, informando os dados da sua empresa e do seu CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica).
  4. Emita a nota fiscal eletrônica, preenchendo os campos obrigatórios com informações sobre o produto ou serviço vendido, o valor cobrado, a forma de pagamento, entre outros.
  5. Imprima ou envie a nota fiscal eletrônica para o seu cliente, juntamente com o comprovante de pagamento.
  6. Guarde uma cópia da nota fiscal e dos comprovantes de pagamento, para fins de documentação e controle.

Observe que, como MEI, você está sujeito a algumas restrições quanto à emissão de nota fiscal eletrônica, como o limite de faturamento anual (que não pode ultrapassar R$ 81.000,00) e a obrigatoriedade de utilizar o Sistema Público de Escrituração Digital (SPED). É importante ficar atento a essas regras para não incorrer em penalidades.

Para emitir nota fiscal como Microempreendedor Individual (MEI), você precisará seguir os seguintes passos:

  1. Verifique se você está enquadrado como MEI: para isso, basta verificar se o faturamento anual de sua empresa não ultrapassa R$ 81.000,00.
  2. Faça o registro da sua empresa como MEI: para isso, basta preencher o formulário de registro disponível no site da Receita Federal e pagar a taxa de registro, que é de R$ 50,00.
  3. Faça a emissão da Nota Fiscal Eletrônica para MEI (NFe-MEI): para isso, você precisará se cadastrar no sistema da Secretaria da Fazenda do seu estado, que é responsável pela emissão da NFe-MEI. Em geral, é preciso informar os seguintes dados:
  • Dados da sua empresa (razão social, CNPJ, endereço, telefone, etc.)
  • Dados do produto ou serviço vendido
  • Valor da venda
  • Alíquota do imposto (que é de 5% para MEI)
  1. Imprima a NFe-MEI: após a emissão da nota fiscal, você precisará imprimi-la para entregar ao seu cliente. Alguns sistemas permitem que você envie a NFe-MEI por e-mail, mas é importante verificar as regras do seu estado para saber se essa opção é permitida.

É importante ressaltar que, como MEI, você só pode emitir NFe-MEI para vendas de produtos ou serviços que são permitidos pela atividade que consta em seu registro. Além disso, você deve acompanhar as obrigações fiscais da sua empresa, como o pagamento do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF) e do DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional).

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.