INSS o que é? Para que serve?

A sigla INSS significa Instituto Nacional de Seguridade Social (uma agência do Ministério da Seguridade Social, diretamente vinculada ao Governo) e é responsável pelos pagamentos de aposentadoria e outros benefícios dos trabalhadores brasileiros que contribuem para a Seguridade Social (seguro que garante a aposentadoria para o contribuinte quando ele parar de trabalhar), exceto para servidores públicos.

A Segurança Social garante:

– Aposentadoria por tempo de contribuição;

– Aposentadoria por idade e invalidez;

– Pensão por morte;

– subsídio de doença;

– ajuda a acidentes;

– salário de maternidade;

– salário da família;

– reabilitação profissional;

– 13º salário;

A contribuição é do funcionário e do empregador.

A aposentadoria por idade é um dos benefícios previdenciários concedidos pelo INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social), mas nem todos os segurados têm o direito de reivindicá-lo. Você precisa analisar uma série de critérios para saber se tem ou não o direito de se aposentar por idade. Além disso, devido à Reforma da Previdência, esse tipo de aposentadoria pode mudar em breve.

Saiba que tipos de aposentadoria:

O Seguro Social é um programa de seguro público que, de acordo com a Lei 8.213 / 91, tem a função de: “Fornecer aos seus beneficiários meios indispensáveis ​​de manutenção por motivos de incapacidade, desemprego involuntário, idade avançada, tempo de serviço, despesas familiares e prisão ou morte daqueles de quem eles dependem economicamente”. Diante disso, a aposentadoria por idade é, portanto, um benefício que garante a subsistência dos segurados – cidadãos contribuintes do INSS – idosos.

A legislação considera a existência de 4 tipos de aposentadoria, são eles:

Entenda como funciona a aposentadoria por idade

 Atualmente, os segurados urbanos e os homens podem solicitar a aposentadoria aos 65 anos de idade. Os cidadãos podem solicitar benefícios de seguridade social aos 60 anos de idade.

 Além do critério de idade, o segurado deve ter realizado pelo menos 180 contribuições mensais ao INSS, ou seja, 15 anos de contribuição. O valor do benefício é de 70% do salário médio do cidadão, mais 1% para cada ano de contribuição previdenciária.

Veja como é a aposentadoria com Reforma da Previdência

O texto da Reforma da Previdência Social que está sendo votado pelo Senado faz alterações em vários aspectos dos benefícios da previdência social, incluindo aposentadoria por idade. Se a aposentadoria for aprovada, a idade mínima exigida para as mulheres se aposentarem será de 62 anos e para os homens de 65 anos.

Para homens que ainda não entraram no mercado de trabalho, o tempo de contribuição também será alterado para 20 anos. O valor do benefício será calculado considerando todos os salários dos cidadãos; as contribuições 20% mais baixas não serão mais removidas do cálculo. A aposentadoria é um assunto que interessa a todos os brasileiros e é muito importante estar ciente de sua operação. Portanto, esperamos que este conteúdo tenha ajudado você a entender melhor como funciona a aposentadoria por idade, bem como as mudanças que o benefício pode sofrer com a Reforma da Previdência.

Lembrando que todo o atendimento ao INSS é feito de maneira agendada, conheça à seguir como realizar o agendamento. por telefone.

Se você ainda tiver dúvidas sobre o agendamento de uma ligação do INSS on-line (o que acho difícil após este super guia), ligue para 135 e agende sua aposentadoria por telefone, basta está com todos os seus documentos pessoais em mãos.

Informações complementares em Instituto Nacional do Seguro Social

AGENDAMENTO INSS: Quais serviços podem ser realizados pela internet?

AGENDAMENTO INSS

Agora para se fazer vários serviços no INSS é necessário realizar um agendamento, você já sabia disso? Pois bem, essa novidade ainda é recente para muitos. E outros que já conhecem como funciona a autarquia e estão sabendo já se familiarizaram com as mudanças.

Quais serviços podem ser agendados?

Dessa forma diminui-se também a quantidade de filas nas unidades de atendimento. E assim você não perde muito tempo esperando para realizar o serviço que necessita.

Para fazer o agendamento você nem precisa sair de casa. É só utilizar um telefone ou então a sua internet.

Se você ainda não sabe como funciona o agendamento do INSS 2020 é só continuar comigo ao longo deste artigo.

O que é o agendamento INSS 2020?

Como se sabe até algum tempo atrás era bastante comum encontrar grandes filas formadas nas unidades de atendimento do INSS. O atendimento demorava e muitas das pessoas que ficavam ali por horas não conseguiam receber o atendimento naquele dia precisando assim retornar em outro momento.

Do mesmo modo, isso era bastante cansativo para os servidores do INSS. E foi pensando nessas questões que o governo resolveu melhorar o atendimento do INSS por meio de um agendamento prévio.

Dessa forma, os brasileiros que precisam comparecer a uma unidade do INSS obrigatoriamente devem fazer o agendamento antes por telefone ou pela internet, e comparecer no dia e horário confirmado pelo sistema durante o agendamento munido dos documentos necessários para efetivar o serviço desejado.

O agendamento se tornou uma medida bastante prática e útil para todos os brasileiros e os servidores.

Quais serviços podem ser agendados no INSS?

O INSS é um órgão do Governo Federal bastante importante que administra os assuntos relacionados à Previdência e benefícios dos trabalhadores.

Dentre vários serviços disponíveis aqueles que você pode fazer pelo agendamento INSS são os listados abaixo:

  • Atualização de cadastro
  • Auxílio reclusão
  • Benefício assistencial para pessoas que possuem deficiência
  • Aposentadoria pelo tempo de contribuição
  • Aposentadoria pela idade urbana
  • Aposentadoria por idade rural
  • Aposentadoria pelo tempo de contribuição de pessoas que possuem deficiência
  • Auxílio-doença para aeronauta gestante
  • Aposentadoria por idade das pessoas com deficiência
  • Auxílio reclusão
  • Benefício assistencial ao idoso
  • Cópia de processo
  • Benefício assistencial para pessoa com deficiência
  • Benefício assistencial ao trabalhador portuário avulso
  • Cadastro da declaração de cárcere
  • Certidão pelo tempo de contribuição
  • Devolução de documentos e processos
  • Entrega de documentação do requerimento via internet
  • Recurso
  • Pensão Rural
  • Pecúlio
  • Recurso do Seguro Defeso (SDPA)
  • Recurso do benefício por incapacidade
  • Revisão
  • Carga de processos ou Vista
  • Simulação do tempo da contribuição inicial
  • Seguro-desemprego para o pescador artesanal.

Como fazer o agendamento do INSS?

Agora que você já sabe quais são os principais serviços que poderá fazer o agendamento pela internet ou através do telefone vou compartilhar contigo o passo-a-passo que você precisa fazer por meio do seu dispositivo móvel para realizar o agendamento em poucos minutos:

  • Acesse a página oficial do INSS clicando aqui
  • Após a página carregar selecione a opção “Agendar”
  • Agora selecione a lista de serviços e encontre a sua opção desejada
  • Observem quais são os requisitos e os documentos necessários para o serviço selecionado
  • Digite o código de segurança apresentado pelo sistema
  • Em seguida, clique no botão “Avançar”
  • Digite os seus dados no formulário apresentado 
  • Escolha o local de atendimento desejado
  • Agora confirme o seu agendamento
  • Imprima o comprovante de requerimento
  • Finalize o procedimento.

É importante que nessa última etapa você anote todos os documentos exigidos para o serviço solicitado e junte a eles o comprovante de requerimento para ser apresentado no dia em que for comparecer pessoalmente ao INSS.

Agendamento do INSS por telefone

Caso seja mais cômodo para você fazer o agendamento através do telefone deverá ligar para a central de atendimento da Previdência Social no número 135. Não custa lembrar que a ligação é grátis.

Procure antes de fazer a ligação juntar todos seus documentos pessoais, pois durante o atendimento os mesmos poderão ser solicitados pelo atendente do INSS.

E só para ressaltar o horário de atendimento da central do INSS é de segunda a sexta-feira, das 7 horas às 22 horas. Além de realizar o serviço de agendamento poderá conferir e esclarecer todas as suas dúvidas diretamente com o atendente.

Além disso, ele irá te informar a respeito de tudo que precisa ser realizado no dia em que for comparecer pessoalmente a unidade de atendimento do INSS, de modo que você assim agilize e seja atendido de forma satisfatória.

Como se pode observar alternativas como essas são bastante úteis e necessárias em tempos corridos como os nossos. Se você gostou não se esqueça de deixar o seu like abaixo.

Informações complementares Aqui

INSS Consulta Situação de Benefício

INSS Consulta Situação de Benefício

INSS Consulta Situação de Benefício – Se você paga o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), sabe muito bem que, a depender da sua situação, terá direito a algumas vantagens concedidos pelo INSS, como auxílio reclusão, auxílio doença, [Auxílio Doença para Aposentadosaposentadoria, pensão etc.

Pretende entender como consultar situação de benefício INSS? Por isso acompanhe o editorial e saiba quais tipos de vantagens consultar no site do INSS, sobre a correção de vantagem INSS, bem como outros dados necessários para que você possa realizar consulta de benefício INSS naturalmente e com segurança.

INSS Consulta Situação de Benefício
INSS Consulta Situação de Benefício (Foto: Empregador Web)

Consultar vantagem INSS pelo CPF

Para consultar vantagem INSS pelo CPF você deverá acessar o site da previdência social www.previdencia.gov.br, por intermédio do qual saberá tudo sobre o seu amparo, desde prazos, procedimentos, marcar médicos peritos e outras demandas.

A modernidade do INSS foi ótimo, uma vez que evita com que você perca várias horas do seu dia em filas, embora em algumas regiões o transtorno persista em alguns postos de atendimento do INSS.

Dessa maneira, pelo site da Previdência Social você consulta a situação de benefício INSS do local e no horário onde quiser, a partir de que tenha um computador, tablet e até telefone celular com ligação à internet.

Consulta vantagem cedido INSS

Qualquer que possa ser a vantagem pedido ao INSS, você conseguirá realizar um orientação, do conforto do seu lar, sobre do INSS.

Porém, se não gosta de equipamentos informáticos, pode facilmente levar algumas horas e aparecer nos postos da previdência social. A mesma consulta da situação de vantagem INSS da internet é a que será repassada por um dos atendentes do INSS.

Consulta situação de amparo por extrato INSS

É possível que você retire um extrato para entender a situação da vantagem INSS, tanto pela internet como em uma das agências do INSS mais próximo da sua casa.

Lá você vê a consulta da situação de aposentadoria, resultado de perícias, de reconsideração de pagamento INSS, dentre outras informações bem essenciais para você.

Você deverá ter em mãos o número do benefício, a data de nascimento, CPF e o nome de beneficiado do INSS.

Caso você já seja segurado INSS, por intermédio do extrato do INSS saberá quais valores receberá, quais empréstimos consignados já tirou e que serão descontados da folha de pagamento INSS etc.

Consulta situação de vantagem: atualização de benefício

Como já havíamos antecipado, você conseguirá certificar pelo extrato INSS a situação de benefício em correção, tendo como exemplo.

Nos dias de hoje, em virtude de uma movimentação do governo federal no aspecto de fazer revisões de algumas vantagens como aposentadoria por invalidade e auxílio doença, os postos do INSS estão cheios. Daí a agilidade para realizar consultas INSS situação de vantagem pela internet.

Vantagem INSS auxílio doença: consulta situação

Você inclusive conseguirá consultar INSS situação de vantagem de auxílio enfermidade, de maneira bem simples, prática e ágil.

Previdência social: consulta aposentadoria

Se deu entrada na aposentadoria e pretende acompanhar todos os passos do seu pedido, é possível fazê-lo pelo site do DATAPREV.

Consultar situação de vantagem INSS por CPF

Lamentavelmente, até para evitar fraudes, não é possível consultar a situação de vantagem do INSS usando somente o CPF.

Isto visto que várias indivíduos mal-intencionadas acabam pegando dados das pessoas, por mais assombroso que pareça, até inclusive na porta do INSS.Consulta de benefício INSS pela internet.

Para consulta de vantagem habilitado ou não pelo INSS, acesse o site do DATAPREV https://www8.dataprev.gov.br/SipaINSS/pages/consit/consitInicio.xhtml e faça o cadastramento para exigir vantagem INSS.

Dessa maneira, é bastante perigoso que indivíduo saiba qual é o valor do seu amparo, bem como tenha mais dados seus.

Desse jeito, sugerimos que você de modo algum passe o seu número de benefício ou dados pessoais para outros indivíduos, para que tenha seu amparo em sua conta ou por intermédio do saque pelo cartão cidadão, todos os meses, sem nenhuma dor de cabeça.

Tempo consulta informação situação amparo INSS

Lamentavelmente, o INSS não é bastante apressado para proporcionar informações de consulta à situação de amparo, o que pode fazer pela certa dúvida ou até transtornos.

Logo, o quanto antes você der entrada no benefício INSS ou, também, realizar solicitações que julgue ter direito, melhor para você.

Não se esqueça de que milhares de indivíduos pedem vantagens do INSS no Brasil inteiro e todos os dias. Por tal justificativa, quanto mais de modo correto você já for separando seus documentos, fazendo o pedido e até pedindo o auxílio de um advogado profissional na setor previdenciária, melhor.

Faça a consulta da situação de amparo INSS no momento em que quiser e saiba precisamente qual é a sua situação ante a previdência social.

Mais dúvidas? Não deixe de acessar o site www.previdencia.gov.br e tenha todas as informações necessários de que necessitar às suas mãos, para examinar de onde e no momento em que quiser. Não perca nenhum momento do usufruto dos seus benefícios do INSS.

Inss Agendamento de Perícias

Inss Agendamento de Perícias

Inss Agendamento de Perícias – Uma incerteza que se abate sobre a maior parte dos trabalhadores, especialmente no momento em que surge a necessidade de pegar um afastamento médico ou pedir qualquer tipo de auxílio doença, é sobre a efetivação da perícia médica. Como deve ser solicitada, como é realizada e o que se leva em consideração para que a licença ou benefício seja aprovador pelo INSS. → Auxílio Doença Quem Tem Direito

Inss Agendamento de Perícias

Para muitas pessoas a promoção de perícia médica e a ideia de passar a ser atendido pela chamada “Caixa” do INSS pode apavorar, porém não é um bicho de sete cabeças. → Auxílio Doença para Aposentados

Inss Agendamento de Perícias
Inss Agendamento de Perícias Foto: Antonio Cruz/ (Arquivo) Agência Brasil

Perícia do INSS Compreendendo para que Serve

Por regra, uma empresa que contrate a partir do sistema celetista, isto é, por intermédio da CLT, encontra-se obrigada a pagar seus funcionários até o limite de 15 dias de afastamento médico. Qualquer afastamento que possa ser superior a esse tempo, quem assume o pagamento do salário do empregado em afastamento se torna o INSS. [Descubra como solicitar o benefício INSS auxílio doença]

Esta responsabilidade é assumida pela previdência social, e paga pelo banco da Caixa Econômica Federal. Para que o empregado tenha direito a esta assistência e essa ajuda em tempo de afastamento, é preciso ser periciado pela Previdência Social.

Depois da perícia do médico do INSS o empregado pode obter mais um tempo de afastamento, ou ser avaliado apto a voltar ao trabalho, voltando dessa maneira a agir de modo direto para a empresa.

Perícia no INSS como Agendar e Acompanhar

O Agendamento de perícia médica pode ser agenciado por intermédio da Central de atendimento do INSS por intermédio do número telefônico 135, de segunda à sábado, das 07:00 às 22 pelo horário de Brasília, ou por isso de modo direto pela internet, por intermédio do link: Agende agora o seu atendimento.

Caso o beneficiado não possa aparecer diretamente a uma agência do INSS, ele conseguirá apelar um agente com atribuição especiais para realizar o recurso de perícia em seu lugar.

É fundamental advertir que para ser atendido em qualquer agência do INSS, o indivíduo deverá ter pelo menos um documento de reconhecimento com foto, podendo ser seu RG, Carteira de Trabalho, Habilitação de motorista ou Passaporte, acompanhado de CPF.

Também é possível consultar o agendamento celebrado, a partir do site do INSS, por intermédio deste link.A consulta é feita a partir do sistema Dataprev (INSS DATAPREV), sendo que o beneficiado pode afirmar precisamente o dia e o horário para o qual está agendado, não correndo o perigo de perder a data e acabar prejudicado.

Informações complementares

Agendamento

O agendamento possui por intenção possibilitar um atendimento mais cômodo e resolutivo para você, além de deixar às agências do INSS se planejarem para o atendimento de acordo com a força de trabalho de cada unidade. O agendamento é um auto válido e protege todos os seus direitos. Após agendar, tenha em mente de examinar, na página do próprio serviço, a documentação que você precisa carregar no dia do seu atendimento.

Em alguns casos é possível reivindicar pensão por morte e salário-maternidade pela Internet e mandar seus documentos pelos correios.

Amparo por incapacidade
Novo pedido
Prorrogação de auxílio-doença (PP)

Outras informações

Entidade conveniada: acesse o agendamento para entidade conveniada.
Obrigatoriedade: Os serviços cujo agendamento é básico estão especificados na Bilhete de Serviços do INSS.
Reivindicação por terceiros: Caso não possa aparecer à agência do INSS diretamente, você possui a escolha de constituir um agente para realizar a requisição em seu lugar. Consulte inclusive informações sobre representantes legal.

Quem tem direito ao seguro desemprego?

Quem tem direito ao seguro desemprego?

Quem tem direito ao seguro desemprego? O seguro desemprego é uma vantagem dado pelo o Governo que visa permitir estabilidade e garantia de renda temporária a todo empregado que foram desligados das suas atividades funcionais trabalhista sem justa causa. O valor disponibilizado para esta vantagem varia de acordo com a faixa salarial do funcionário, que pode atingir em até cinco parcela dependendo da situação, no entanto nem sequer todos os trabalhadores estão habilitados para conseguir essa vantagem. Para entender quem possui direito ao Seguro Desemprego, confira abaixo nosso passo a passo com todas as informações sobre essa vantagem.

Quem tem direito ao seguro desemprego?

A vantagem é atribuída ao emprego que executa de forma registrada mais de 18 meses e não fez aquisição do recebimento do seguro nos últimos 12 meses. Funcionários que foram mandados ainda que por justa causa ou ao longo o tempo de 90 dias durante o convênio de experiência, não contem direito a vantagem.

Quem tem direito ao seguro desemprego
Quem tem direito ao seguro desemprego? (Foto: Empregador web)

Para o recolhimento do seguro desemprego você precisa estar dentro dos requisitos legais estabelecidos pela nova regra do seguro desemprego. Veja abaixo os requisitos que o funcionário precisa cumprir para ter direito ao amparo:

Cálculo Seguro Desemprego: Passo a Passo Com Dicas Simples [Veja Aqui]

  • Trabalhadores dispensados de suas atividades trabalhistas sem justa causa;
  • Precisam estar desempregados sem vinculação registrado em carteira para realizar a requisição da vantagem;
  • Precisa estar recebendo salários consecutivos como indivíduo jurídica ou física, no mínimo o tempo de 12 meses ou nos últimos 18 meses imediatos a data de desligamento;
  • Não pode estar recebendo qualquer outra vantagem associado a Previdência Social;
  • Não pode ter nenhuma renda própria que faça a preservação familiar;

ALTERNATIVO: Estar inscrito aos cursos oferecidos pelo o Pronatec, programa que o governo criou para capacitar e aumentar a colocação dos desempregados no mercado profissional;

Tempo para dar entrada no amparo

O funcionário formal possui até 120 dias depois da data de desligamento do emprego para dar entrada na reivindicação de requisição do seguro desemprego. Para os mais perfis de trabalhadores precisa seguir os seguintes prazos:

Bolsa Qualificação – Durante a suspensão do acordo de trabalho
Empregado doméstico – Possui 7 a 90 dia a parti da data da demissão;
Pescador Artesanal – Até 120 dias
Trabalhador Resgatado – Até 90 dias a conta da data do regaste
Perfis aptos a acolher o auxílio desemprego

Há 5 tipos de trabalhadores que são capazes de recorrer o recebimento do seguro desemprego:

O trabalhador formal (Carteira Assinada) que é demitido sem justa causa;
O desempregado por demissão indireta;
O trabalhador doméstico;
O pescado profissional;
O profissional resgatado – de situação de escravidão.

Empregadas domésticas possui direito ao seguro desemprego?

A Regra aprovada no dia 01 de junho de 2015, complementar da nº 150/2015, equipara todas as empregadas domesticas, maiores de 18 anos contratadas para reparar serviços domésticos familiar, estes profissionais são responsáveis por toda arrumação e limpeza de um lar, tendo como exemplo babás, cozinheiras, caseiros de residência agricultor e urbana e empregadas domesticas.

Por tanto todos estes profissionais optam pelo o direito ao acolhimento do seguro ser estive atendendo tais requisitos legais estabelecidos pela a regra, ser você possui direito ao seguro, procure fazer o agendamento para a solicitação de requerimento no SAA (Sistema Atendimento Agendado), é compareça ao posto de atendimento portando toda a sua documentação pessoal, carteira de trabalho e contrato de trabalho.

Perguntas Frequentes sobre o Seguro Desemprego

 

 

 

www.previdenciasocial.gov.br

www.previdenciasocial.gov.br

www.previdenciasocial.gov.br – O site oficial da previdência social é o www.previdenciasocial.gov.br e por meio dele você possui informações sobre INSS, Vantagens, Extratos. e também saiba tudo sobre os vantagens previdenciárias. O conteúdo explicará, também, como usar os serviços na internet de consultas do Dataprev para realizar requerimentos e consultas para seu conforto sem necessitar sair de casa usando os serviços na internet.

www.previdenciasocial.gov.br

A previdenciasocial.gov.br é o site do órgão brasileiro encarregado pelo seguro social de milhares de trabalhadores. Os indivíduos que contribuem de maneira efetiva com o INSS desfrutam de algumas vantagens previdenciárias, caso não tenham condições de efetuar as atividades profissionais ou estejam interessados em obter a aposentadoria.

www.previdenciasocial.gov.br
www.previdenciasocial.gov.br(Foto: Empregador web)

Os serviços prestados pelo INSS são essenciais para nossa comunidade, garantem determinada segurança no mercado de trabalho e assistência financeira no momento em que o empregado estiver inativo. Graças à atualização no sistema Dataprev, os requerimentos estão sendo processados de maneira mais eficaz e atendendo as necessidades de todos os contribuintes. Para consultar os serviços basta acessar o link previdenciasocial.gov.br

Como consultar o extrato das vantagens

Na incerteza sobre como consultar o extrato de suas vantagens do INSS? É super simples, basta ir até o site da Previdência Social e estar com sua carteira do INSS, uma vez que você irá necessitar dos seus dados para ter acesso aos extratos, que incluem os lucro e inclusive os descontos, oriundos de planos de saúde, empréstimos entre outros.

Vantagens Previdenciárias

As vantagens previdenciárias existem para conceder assistência à indivíduos, se apoiando em alguns requisitos básicos para aprovar as solicitações. Somam-se 11 modalidades de serviços oferecidos pela Previdência Social, diversificando de acordo com a forma de contribuinte.

Os pensionistas pagam tarifas mensais efetivas para ganhar a aposentadoria INSS posteriormente, são anos de contribuição para conseguir dar entrada no pedido. São 3 as modalidades que permitem se aposentar: por invalidade (inabilidade de desempenhar atividade comprovada por perícia), por idade (homens com 65 anos e mulheres com 60 anos) e por tempo de contribuição (35 anos de contribuição para homens e 30 anos para mulheres).

Além de assegurar a aposentadoria do empregado, a Previdência Social inclusive é encarregado por mais vantagens, como: Salário Família, Auxílio-reclusão, Auxílio-doença, Auxílio Acidente, Salário-maternidade.

O que é o DATAPREV?

O Dataprev é o sistema encarregado pelo armazenamento de dados dos contribuintes, a base permite que os pensionistas usem a internet para expedir extratos da Previdência Social, atualizar o arquivo ou examinar o histórico de contribuição.

As consultas na internet Dataprev INSS funcionam de maneira segura e sem dificuldades para acessos. Caso o colaborador desconheça os princípios da sua aposentadoria, ele conseguirá ter ilimitado acesso ao histórico de crédito INSS por intermédio da internet. A análise exclusiva solicita alguns dados para ser processada com sucesso. Confira mais informações no site www8.dataprev.gov.br acessando AQUI.

Para maiores informações acesse o site oficial www.previdenciasocial.gov.br.

Auxílio Doença para Aposentados

Auxílio Doença para Aposentados

Auxílio Doença para AposentadosAuxílio-doença é um seguro previdenciário. No Brasil, é regulado pela Lei 8.213/91, que é a lei de benefícios da previdência social. A previdência social é conhecida por conceder aos seus segurados uma série de vantagens, entre eles aposentadoria e auxílio-doença. Porém será que o aposentado possui direito ao auxílio doença? Essa é uma das maiores dúvidas de quem se aposentou ou deseja aposentar, porém quer permanecer trabalhando.

Auxílio Doença para Aposentados: Aposentados tem Direito a Auxílio Doença?

A propósito, hoje é bastante comum constatar aposentados que continuam trabalhando. Isto em razão de o valor da aposentadoria não costuma atender gastos mínimos, como casa, alimento, vestuário, remédios, plano de saúde, dentre outros.

Auxílio Doença para Aposentados
Auxílio Doença para Aposentados (Foto: Empregador web)

Desse jeito, vários indivíduos que deveriam estar descansando ou passeando e aproveitando a “melhor idade” são obrigadas a voltar a trabalhar para conseguirem preservar o sua própria sobrevivência.

Com isto, é quase que muito comum que se tenha dúvidas sobre como funciona a “vida” do aposentado ante eventuais direitos trabalhistas e previdenciários, caso venha a necessitar no amanhã.

Auxílio doença para Aposentados

O auxílio-doença é uma amparo despendido para quem fique incapacitadas para o trabalho, seja por acidente ou moléstia. A questão é que o aposentado perde o auxílio doença assim que se aposenta. Desta maneira, se você aposentado decidir permanecer trabalhando, correrá todos os riscos. Caso seja acometido de qualquer enfermidade ou se acidente, não receberá nada de auxílio por parte da previdência. [Auxílio Doença Quem Tem Direito]

Isto acontece visto que o segurado já está recebendo um amparo previdenciário, qual seja, a aposentadoria. Para que não exista acumulamento de vantagens de maneira concomitante, o INSS exclui a alternativa a essa eventualidade. Desta maneira o aposentado não pode ganhar auxílio doença. Esse indicador visa controlar os gastos com a previdência, estabelecendo que somente um amparo pode ser pago a todos os segurados.

Funcionário aposentado afastado por doença: é possível?

Caso o aposentado esteja trabalhando e fique incapacitado, receberá somente os valores pagos pelo patrão nos primeiros quinze dias. Depois de este tempo, estará desprotegido, já que já goza da aposentadoria. Nesse aspecto, se você é aposentado e decidir permanecer trabalhando, perderá este amparo. Aposentado que trabalha perde o auxílio doença.

Isto é um grande dano para as pessoas que está aposentando ou já se aposentou. Se este é o seu caso, tome muita cautela, uma vez que não terá ajuda extra da previdência caso perca a aptidão para o trabalho. Nada pode ser realizado para evitar a redução do auxílio doença de aposentado, uma vez que trata-se de uma atribulação jurídica.

Se você é aposentado, porém deseja permanecer na ativa, lembre-se desta questão. Pode ser que não seja uma ótima escolha permanecer trabalhando, já que se você necessitar de ajuda, não terá o auxílio-doença.

Aposentado necessita pagar INSS?

Efetivamente, aposentado que continua na ativa necessita pagar INSS. Inclusive dessa maneira, a jurisprudência vai no aspecto de que embora o aposentado que trabalhe seja obrigado a pagar INSS, ele não terá direito ao auxílio-doença.

Se tiver qualquer dúvida quanto aos seus direitos trabalhistas e previdenciários, procure um advogado especializado para saná-las. Este profissional é o mais competente para atender às suas questões, até porque a avaliação dependerá várias vezes de cada caso.

Com as informações Empregador WebPrevidência Social

INSS Reabilitação Profissional

INSS Reabilitação Profissional

INSS Reabilitação Profissional – Um dos mais essenciais programas da previdência é a reabilitação profissional do INSS. Por meio de deste programa indivíduos que foram afastados de suas atividades por insuficiência são capazes de voltar ao trabalho. O INSS oferece a esses indivíduos tratamento, orientação e cursos profissionalizantes, de maneira que os segurados tenham condições de voltar ao mercado de trabalho.

INSS Reabilitação Profissional – Como funciona e como solicitar?

Reabilitar é “capacitar para exercer outra função”, pelo menos nesse conceito que engloba o INSS. É um esforço de fazer e estimular novas aptidões por parte do empregado, para que ele de fato possa permanecer ativo, ajudando com o INSS e com a coletividade.

INSS Reabilitação Profissional
INSS Reabilitação Profissional (Foto: Internet)

Reabilitação profissional do INSS – De que jeito funciona?

O que muita gente se questiona é como funciona a recuperação profissional do INSS. Afinal de contas, trata-se de um programa extremamente pouco avaliado, especialmente na conjunto de meios de comunicação. Por intermédio de parcerias com entidades de treino e instituições de saúde, a reabilitação ocorre por intermédio de profissionais das áreas de medicina, fisioterapia, psicologia, psiquiatria e várias outras áreas. [Como Regularizar as Contribuições do INSS]

Tempo de espera para reabilitação profissional

Você deve estar se perguntando: “mas qual é o tempo de espera para a reabilitação profissional do INSS?”. A reabilitação profissional do INSS possui tempo certo, com base no caso exclusivo de cada um dos segurados que desejem associar do programa. Em alguns casos a reabilitação acontece em menos de 2 meses. Em outras pessoas o tempo de espera para reabilitação profissional pode durar até 2 anos. Tudo depende do alcance do desejo que levou o segurado a se ausentar-se das atividades.

O INSS remunera a reabilitação profissional na sua integralidade, arcando com todos os recursos importantes para que os indivíduos de fato consigam introduzir-se no mercado de trabalho e aprimorar um desempenho profissional. Isto acrescenta o tratamento médico e hospitalar, cursos profissionalizantes e terapia juntamente de profissionais especializados.

Quanto tempo dura a reabilitação profissional do INSS

Se você está se perguntando quanto tempo dura a reabilitação profissional do INSS, uma ótima ideia é aparecer até uma das agências e esclarecer o seu caso. A reabilitação ocorre por ordem de requerimento, porém há algumas prioridades. Indivíduos que estejam em estágio de auxílio-doença, tendo como exemplo, têm preferência no programa de reabilitação do INSS. [Extrato INSS: Como Consultar? Para que serve o Extrato INSS?]

A reabilitação profissional do INSS é um direito de todos aqueles que foram afastados do trabalho pelo motivo de doenças ou até inclusive acidentes. Indivíduos que passam por isso têm grande dificuldade de voltar ao mercado de trabalho. Por causa disso este programa de reabilitação do INSS é tão fundamental.

Informações sobre reabilitação profissional do INSS

Se também restou qualquer dúvida sobre reabilitação profissional, entre em contato com o INSS:

A partir do telefone 135, com ligação gratuita, das 7h às 22h, de segunda à sexta;Aproveite e Vá até um posto do INSS mais próximo da sua casa. [Auxílio Doença Quem Tem Direito]

Tenha em mente: informe-se sobre os seus direitos e garantias como indivíduo. Não deixe a reabilitação profissional do INSS ficar de lado. Este é um passo bastante relevante para a sua reinserção no mercado de trabalho, até para que tenha outras possibilidades e possa crescer pessoal e profissionalmente.

Com as informações Empregador Web e Previdência Social

Como Regularizar as Contribuições do INSS

Como Regularizar as Contribuições do INSS

Como Regularizar as Contribuições do INSS – Estar em dia com a previdência social é essencial para você que não pretende correr o perigo de perder as vantagens. Por fim , todo mundo pretende aposentar, poder dispor com o auxílio doença se for preciso etc. Aprenda agora mesmo a corrigir as contribuições do INSS. Pague todos os débitos em atraso e fique sossegado com relação as vantagens previdenciários.

Como Regularizar as Contribuições do INSS

A contribuição para a previdência é um valor que os trabalhadores pagam mensalmente, que serve como base para o aferição da aposentadoria e demais vantagens da seguridade social. Se você está em débito com a previdência, descubra como normalizar contribuições atrasadas no INSS. O processamento é muito simples, de forma que em poucos passos você estará livre dessa obrigação. [Previdência Social Atualização de cadastro]

Regularizar as Contribuições do INSS

Você pode normalizar o INSS autônomo ou o INSS empresa. Tanto faz. O fundamental é entender que você fará isto com acréscimos e com interesses, o que pode pesar um tanto no bolso. Este valor, entretanto, poderá ser dividido (ou em prestações), o que pode ajudar o pagamento do INSS e o retorno dos seus benefícios, dessa maneira que conseguir quitar a déficit.

Como Regularizar as Contribuições do INSS
Como Regularizar as Contribuições do INSS (Foto: Divulgação)

Quem não necessita normalizar INSS?

São os seguintes indivíduos que não precisam normalizar o INSS:

Trabalhadores rurais que atuam antes de 1991
Agente autônomo que prestou serviços a companhias
Quem era informal, isto é, que não tinha carteira assinada.
Quem pode pagar INSS com atraso?

Não é todo mundo que pode pagar o INSS em atraso. São eles:

Quem contribui facultativamente com o INSS
Quem atua como profissional autônomo e paga INSS.

Regularizar INSS pela internet

É possível normalizar as contribuições do INSS pela internet. Isto mesmo, com a transformação das ferramentas digitais tudo ficou mais fácil. Você nem sequer necessita ir até uma agência da previdência social para pagar as suas dívidas com este órgão. Acesse agora mesmo o site da previdência e siga alguns passos simples. [eSocial Doméstico: Login com Código de Acesso]

A Guia da Previdência Social, inclusive conhecida pela sigla GPS, é o arquivo por intermédio do qual você normalizar as contribuições e pagar o INSS. Para ter acesso a este arquivo, basta acessar o site da previdência e completar um formulário com os seus dados juntamente ao órgão.

Como corrigir INSS com atraso

A normalização das contribuições no site do INSS é bastante possível. Em poucos minutos você terá acesso ao valor completo em atraso, bem como os interesses e multas que foram aplicadas no decorrer do tempo. Ao fim do procedimento você terá a escolha de imprimir a Guia da Previdência Social para pagamento.

Entretanto, lembre-se se o seu INSS está:

Prescrito: dívidas com mais de 5 anos, a partir da certificação de pelo menos uma contribuição antes dessas que não foram pagas.

Não prescrito: é bem mais simples de normalizar e quitar os débitos com o INSS.
Fique em dia com a seguridade social e não perca os suas vantagens. Executar a regularização das contribuições do INSS é a melhor maneira de ficar com a consciência tranquila e aproveitar os benefícios no momento em que necessitar!

Com as informações Empregador Web

eSocial Doméstico: Login com Código de Acesso

eSocial Doméstico

eSocial Doméstico – O login no eSocial Doméstica é essencial para as pessoas que possui empregado doméstico. Trata-se de uma ferramenta disponibilizada pela Gestão Pública para ajudar a arrecadação dos valores devidos ao funcionário. Descubra tudo sobre essa novidade, que passou a ser obrigação para todos que contratam este tipo de empregado.

eSocial Doméstico, Cadastro, Pagamento e mais

A tecnologia mais uma vez surpreende em particularidade de sua admissão pelo Governo Federal. Anteriormente, diversos indivíduos davam desculpas sobre da dificuldade em retirar o formulário para a manter dos direitos trabalhistas dos empregados. Desta forma, ou acabavam esquecendo ou não pagavam.

eSocial Doméstico
eSocial Doméstico (Foto: Divulgação)

O esocial doméstica veio exatamente coagir essa forma de comportamento, até para preservar os direitos dos empregados domésticos, os quais, a propósito, tiveram suas prerrogativas aumentadas há bastante pouco tempo, em virtude de novas leis e modificações na Constituição Federal, especificamente no que tange aos aspectos previdenciários e trabalhistas.

Até pouco tempo esses indivíduos tinham sérias dificuldades em comprovarem até inclusive seus vínculos empregatícios, bem como exigir os seus direitos. Era uma grande desatenção por parte das autoridades públicas, que nada faziam sobre.

Porém, embora essa forma de comportamento também ocorra nos dias atuais (bem como trabalho escravo, tráfico de indivíduos e mais tipos de abuso que deveriam ter sido extintos há muito, mas muito tempo, porém que lamentavelmente ocorrem em pleno século 21), o eSocial Doméstica foi bastante bom nesse aspecto.

Todos os empregadores que mantêm empregada doméstica precisam conseguir o login e palavra-chave para acessar o eSocial Doméstica. São dados sigilosos que não precisam ser repassados a terceiros. Nesse aspecto, somente você, patrão, pode acessar essa ferramenta do governo. De acordo com o próprio site, é responsabilidade do patrão preservar a privacidade das informações de acesso.

Para ajudar a arrecadação de tributos devidos ao empregado doméstico, o Governo Federal lançou há pouco tempo o eSocial Doméstica, um site por intermédio do qual é possível ao patrão pagar, em única cota, todos os direitos trabalhistas do empregado doméstico. Para realizar o login no eSocial Doméstica pela internet, o patrão precisa ter uma palavra-chave primeiramente cadastrada.

Caso você patrão permita que outros indivíduos tenham o seu login, poderá padecer consequências até mesmo penais se alguém acessar o eSocial Doméstica em seu lugar. Por causa disso é recomendado que constantemente que acessar o site você tenha o atenção de concluir a ação da maneira correta, de forma que a sua conta não fique aberta e possa ser usada por indivíduos não autorizadas.

eSocial Doméstica arrecadação

Todos os tributos trabalhistas precisam ser pagos por meio de desta ferramenta na internet. A arrecadação pelo eSocial Doméstica funciona em única cota. Dessa maneira, por intermédio de um único pagamento você estará em dias com as obrigações trabalhistas relacionadas ao seu empregado doméstico.

Acolher tributos pelo eSocial Doméstica é possível, rápido e sem riscos. Este sistema foi desenvolvido pelo Governo Federal para garantir que todos os empregados domésticos recebam as verbas que lhe são devidas e fiquem protegidos. Ao empregador é devido o acesso ao sistema para a arrecadação do formulário de encargo.

eSocial Doméstica pagamento

Ao acessar o site do eSocial Doméstica, você terá acesso a cada um dos campos importantes para a criação de um formulário de arrecadação. Trata-se de um arquivo que agrega todas as obrigações trabalhistas devidas ao empregado doméstico, de maneira simplificada.

Desta maneira, o pagamento do eSocial Doméstica precisa ser realizado em cota única, por intermédio do DAE (Documento de Arrecadação Estadual). Todos os meses você, como patrão, precisa conceder ao empregado doméstico uma cópia deste arquivo corretamente quite. Dessa maneira ele conseguirá ficar a par de de que você está cumprindo com as determinações legais.

A concepção do arquivo de arrecadação do eSocial Doméstica ocorre de maneira automática, por causa disso é fundamental que você acesse o eSocial Doméstica pela internet e mantenha o pagamento dentro do prazo. Essa atitude é fundamental para o patrão, que preserva em dia suas obrigações, e além disso para o funcionário, que possui seus direitos garantidos.

Você não vai desejar uma ação trabalhista contra você, tenha certeza disso, até visto que se “você sair da diretriz”, vai acabar perdendo, por ser direito do funcionário.

eSocial Empregado Doméstico, Cadastro, Pagamento
eSocial Empregado Doméstico, Cadastro, Pagamento (Foto: Internet)

Acessar o e-social doméstica é bastante simples, rápido e descomplicado. Pode ser realizado por qualquer aparelho com acesso à internet. Um estudo atual disse que mais de 54% das famílias brasileiras possui internet em casa e dessas aproximadamente 70% possui acesso à internet em outras formas seja na academia, cursos, faculdades, lan houses, ou demais meios informáticos disponíveis, como, até mesmo, por programas sociais.

Dessa maneira, não há desculpas para não se registrar ou não acessar o e-Social Doméstica, a fim de garantir os seus direitos.

Agora que você já sabe tudo sobre como realizar login no eSocial Doméstica, está na hora de começar a utilizar e se familiarizar com essa ferramenta do Governo Federal. Faça já o seu acesso e tome cautela para não perder a sua palavra-chave!

→ Como Acessar o eSocial Clique Aqui