PIS: Descubra Quem Tem Direito e Como Fazer Para Receber O Dinheiro

0
350
PIS: Descubra Quem Tem Direito e Como Fazer Para Receber O Dinheiro
3.2 (64.44%) 9 votes

Resumo do Conteúdo

PIS – Programa de Integração Social (PIS), o empregado da iniciativa privada tem acesso aos benefícios determinados por lei

Com certeza você já ouviu falar sobre o PIS, pode ser até que tem contribuído durante muitos anos, porém não sabe muito bem como funciona esse programa e nem como recuperar o valor que contribuíram.

Se você não entende muito bem esse programa, ou quer aprender mais sobre ele não deixe de ler esse artigo até o fim. Esperamos sanar suas dúvidas sobre o PIS e te ajudar a entender melhor esse programa social tão importante para o trabalhador.

PIS significa Programa de Integração Social, que é um programa público de contribuição do trabalhador, que tem como garantia básica assegurar aos trabalhadores que contribuíram com o mesmo, benefícios como o seguro desemprego, abonos e participações nas empresas.

O PIS foi instituído pela Lei Complementar nº 7/1970, que visava garantir direitos básicos ao trabalhador. Hoje ele hoje é administrado pelo Ministério da Fazenda e é pago ao trabalhador pela Caixa Econômico.

Para que você possa sacar as quotas do PIS a Caixa Econômica coloca algumas situações em que o mesmo pode ser retirado, segundo a Lei, aqueles que tiveram contribuição de 1971 até 04/10/1988 podem sacar o valor de contribuição corrigido e calculado pelo banco se encaixar sua situação aos seguintes motivos abaixo:

  • Aposentadoria;
  • Idade igual ou superior a 70 anos;
  • Invalidez (do participante ou dependente);
  • Transferência para reserva remunerada ou reforma (no caso de militar);
  • Idoso e/ou portador de deficiência alcançado pelo Benefício da Prestação Continuada;
  • Neoplasia Maligna – Câncer – (participante ou dependente);
  • SIDA/AIDS (do participante ou dependente);
  • Doenças listadas na Portaria Interministerial MPAS/MS 2.998/2001 (participante ou dependente);
  • Morte do participante (situação em que o saldo da conta será pago aos dependentes ou sucessores do titular)

PIS – Programa Integração Social: O trabalhador tem direito ao PIS?

Os trabalhadores que se encaixarem em algumas dessas características poderão sacar seu valor em qualquer momento, sem necessariamente ter que esperar a data do calendário do PIS.

Outra situação para o saque dos rendimentos do PIS é para aqueles trabalhadores que foram cadastrados no programa até 04/10/1988, e que ainda não sacaram seus rendimentos.

Para esses trabalhadores a Lei garante que os rendimentos sejam sacados no mês de vencimento no calendário (vide abaixo), se estiver no seu mês de receber, você poderá sacar o valor, segundo as informações da Caixa Econômica, por meio de crédito em conta, quando o trabalhador possui conta individual na Caixa, com saldo positivo e movimentação nos últimos meses e também nos caixas eletrônicos da Caixa, Correspondente Caixa Aqui e Loterias, utilizando o Cartão do Cidadão.

Para saques em uma agência da Caixa os documentos necessários para identificação são:

  • Carteira de Identidade
  • Carteira de Habilitação (modelo novo) observado o prazo de validade, se houver
  • Carteira Funcional reconhecida por Decreto
  • Identidade Militar
  • Carteira de Identidade de Estrangeiros
  • Passaporte emitido no Brasil ou no exterior
  • Carteira de Trabalho

Para o saque dos rendimentos do PIS é necessário que o trabalhador se atente ao calendário disponibilizado pela Caixa Econômica para poder saber a data correta de saque dos seus rendimentos.

Para que você possa entender o calendário, iremos trazer uma explicação simples a respeito dele. Na primeira coluna traz o mês de nascimento do trabalhador, ou seja, em alguns meses – 2º semestre do ano – o saque é feito no mês do aniversário do contribuinte. Em outros meses – 1º semestre do ano – o saque é feito apenas nos três primeiros meses como está na tabela.

PIS - Tabela
PIS – Tabela

É essencial que o trabalhador consulte o dia de saque de seus rendimentos e não deixe passar a data, pois se isso ocorrer apenas no ano seguinte o saque poderá ser feito.

Se ainda persistirem dúvidas vá até uma agência da Caixa Econômica e consulte algum funcionário que poderá dar mais informações a respeito do PIS.

O que é o PIS

Muito mais que um número. Com o Programa de Integração Social (PIS), o empregado da iniciativa privada tem acesso aos benefícios determinados por lei e ainda colabora para o desenvolvimento das empresas do setor.

PIS

Por meio da Lei Complementar n° 7/1970, foi criado o Programa de Integração Social (PIS). O programa buscava a integração do empregado do setor privado com o desenvolvimento da empresa. O pagamento do PIS é de responsabilidade da Caixa.

PASEP

Paralelamente à criação do PIS, a Lei Complementar n° 8/1970 instituiu o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP), com o qual União, Estados, Municípios, Distrito Federal e territórios contribuiam com o fundo destinado aos empregados do setor público. O pagamento do PASEP é feito pelo Banco do Brasil.

Como funciona

Até 04/10/1988 os empregadores fizeram contribuições recebidas pelo Fundo de Participação PIS/PASEP, que então distribuía valores aos empregados na forma de quotas proporcionais ao salário e tempo de serviço.

Esperamos ter ajudado com esse tema. Te esperamos no próximo artigo.

Tire outras dúvidas em Programa de Integração Social (PIS)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here