Por que utilizar o Conectividade Social?

Conectividade Social é um meio eletrônico que é utilizado para fazer a transmissão de informações enviando-as para o FGTS e a Caixa Econômica Federal. Possibilita o acesso e a troca de dados entre empregadores e a previdência social. Com ele, o empregador pode enviar informações que tem relações com o Fundo de Garantia para a Caixa, que opera o fundo via internet.

Conectividade Social é um software que permite fazer operações que antes eram realizadas em guichês bancários transpondo-os para o ambiente online e simplificando processos com agilidade, facilidade e segurança. É um meio desburocratizado que permite enviar e receber informações pertinentes ao fundo de garantia, e a Caixa.

O sistema funciona como se fosse um correio. Cada endereço possui uma caixa postal, que é configurada quando o programa é instalado. Dessa forma, os produtos que serão vistos deverão ser enviados para essa caixa postal denominada de remota, utilizando toda a infraestrutura que o site tem para oferecer. Pode-se utilizar o programa para trocar mensagens com a caixa, agente operador do fundo, empresas, sindicatos, prefeituras e escritórios de contabilidade, entre outros.

Com o canal é possível transmitir dados como arquivos gerados pelo Sefip – Sistema Empresa de Recolhimento do fundo de garantia e Informações à Receita Federal; arquivos PIS – Empresa Web; arquivos de guias de recolhimento rescisório do FGTS – GRRF. Através do canal de Conectividade Social é possível a emissão de extratos de contas vinculadas ao FGTS de funcionários e relatórios com inconsistências no cadastro, além de fazer a contratação de parcelamento de débitos do FGTS.

A partir do software, pode-se obter extratos das contas vinculadas ao FGTS dos trabalhadores e de relatórios de inconsistências cadastrais. Existe a possibilidade de contratar o parcelamento de débitos de FGTS no serviço de Solicitar Parcelamento com o uso de certificado digital do empregador.

É destinado aos empregadores incluídos no MEI (Microempreendedor Individual), e empresas optantes pelo Simples com até 10 empregados. Agentes financeiros FCVS e Agentes financeiros do SFH para envio e recebimento de movimentos FCVS e CADMUT.

Empregadores que não se enquadram nestas situações devem utilizar o Conectividade Social padrão ICP.

O canal eletrônico permite transmitir arquivos do Sistema Empresa de Recolhimento do fundo de garantia e informações da Previdência Social (SEFIP), bem como informações da Caixa/PIS Empresa. Pode-se também visualizar e imprimir o relatório de saldos (IS).

Conectividade Social e seus benefícios

Entre as facilidades do uso da Conectividade Social destacam-se o cumprimento das obrigações da empresa relativas ao fundo de garantia e à Previdência; canal direto entre a Caixa, o agente operador do FGTS, para enviar e obter informações relativas ao fundo; simplificação do envio de informações para o recolhimento do fundo de garantia; diminuição dos custos operacionais, entre outros.

É um programa que beneficia o empregador possibilitando que ele acesse os dados dos seus funcionários e receber informações sobre eles. Com o programa, a inclusão e exclusão do funcionário fica mais fácil, os tramites legais são processados mais rapidamente e exige menos burocracia.

Quem tem empresas e funcionários registrados pela CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas) necessita de utilizar o software para cumprir obrigações trabalhistas. O programa é o canal utilizado para enviar informações sobre o FGTS para a Previdência Social, garantindo assim, o cumprimento das leis.

O canal eletrônico possibilita trocar informações entre empregadores, empresas, empresas de contabilidade, sindicatos e a Caixa Econômica. Através da informatização as informações são transmitidas virtualmente pela internet de forma ágil, prática e segura.

O serviço é disponibilizado de forma gratuita para as empresas que possuem vínculo ao FGTS. O empregador pode ver online as informações relacionadas ao fundo dos empregados registrados podendo alterar dados cadastrais e diversas informações submetidas ao governo.

Através do canal é possível realizar a transmissão virtual dos arquivos gerados pelo Sistema de Recolhimento do fundo de garantia e demais informações relativas a Previdência Social (SEFIP). O programa torna tudo mais fácil e prático sendo importante para os empregadores, facilitando a sua vida.

Existem dois tipos de Conectividade Social, o primeiro destinados a microempreendedores individuais (MEI) e optantes pelo simples com até 10 funcionários e o Conectividade Social ICP, destinado a demais empresas.

Como fazer o cadastro da Conectividade Social?

Para se cadastrar é preciso primeiro baixar um programa no site da Caixa econômica. Entretanto, é preciso ter um certificado digital e uma senha, para se utilizar o software.

Os microempreendedores individuais (MEI) e as empresas do Simples com até 10 empregados devem ir a uma agência da Caixa Econômica para conseguir a sua certificação eletrônica. Com ela as empresas podem assinar contratos online com validade jurídica tendo ainda várias outras aplicações.

Para o MEI conseguir fazer a certificação eletrônica é necessário levar o original e a cópia do RG e do CPF do responsável; originais e cópias do CNPJ; o Certificado da Condição de Microempreendedor Individual.

Para a empresa optante pelo Simples com até 10 empregados fazer a certificação eletrônica, deve levar o original e a cópia do RG e do CPF do responsável; original e cópia do CNPJ; original e cópia do contrato de constituição registradas em alguma junta comercial e a comprovação da inscrição do empregador no Simples.

Como gerar a chave do FGTS no Conectividade Social?

A chave pri serve para acessar o programa da caixa. É necessário que o usuário tenha certificação digital. Entre no site da caixa conectividade e faça o download do gerador de certificação digital. Abra o programa cliente de certificação multiempresa, clique em nova entidade, preencha o formulário, clique em novo, crie uma senha de acesso e clique em ok.

Salve a certificação em um pen drive. Leve-o a agência junto a documentação necessária: cartão CNPJ da empresa, contrato social registrado na junta comercial, caso seja MEI levar o certificado de microempreendedor individual, comprovação de optante pelo simples individual, cópia e original dos representantes legais da empresa.

É preciso ter uma regulamentação para que o procedimento de se registrar um empregado, por exemplo, seja feito com total segurança. Por isso é importante que o empregador possua a chave pri. Para tal deve-se ir a uma agência que faça este tipo de certificação.

Como baixar o arquivo da Conectividade Social?

Entre no site da Caixa, https://www.caixa.gov.br. No canto superior direito, clique em download, clique na opção fundo de garantia – Conectividade Social, clique na opção de download novamente, espere baixar o arquivo e instale. É preciso ter em mãos a chave pri em um pen drive e a senha de acesso.

É preciso que o computador tenha os seguintes pré-requisitos para rodar o programa: ter acesso à internet, unidade de leitura do certificado, Microsoft Windows XP, Vista ou 7, Internet Explorer, processador e memória RAM compatíveis para exibição de páginas da web, software que faça a gestão da certificação digital instalada, instalação da cadeia de certificados da Autoridade certificadora emissora do seu certificado.

Como consultar o Conectividade Social?

É preciso estar online, estar certificado no Conectividade Social através de uma agência da Caixa, estar certificado com o tipo de certificação civil, 01 – CNPJ, 02 – CEI, possuir perfil de usuário igual a cliente empresa ou entidade sindical SRTE.

Para acessar o portal eletrônico será necessária a certificação eletrônica do empregador e a senha para assim se validar a inscrição do CNPJ/CEI. No primeiro acesso é preciso informar que aceita as regras de utilização do serviço.

Após logar no portal eletrônico você pode utilizar de todos os recursos disponíveis que o programa proporciona. Poderá enviar e receber arquivos, fazer contato com a Caxia, empresas, realizar a transmissão virtual dos arquivos gerados pelo Sistema de Recolhimento do fundo de garantia e demais informações relativas a Previdência Social (SEFIP).

Como consultar o saldo do FGTS pela Conectividade Social?

O novo App FGTS permite consultar seu saldo, dinheiro disponível para saque imediato, canais de pagamentos e outras informações pertinentes ao seu FGTS. O aplicativo permite que você faça a consulta com segurança, rapidez e praticidade. Para acessá-lo entre na sua loja de aplicativos do celular ou no site para se cadastrar e poder ver as informações relativas ao seu fundo de garantia.

Como visualizar arquivos do Conectividade Social?

Deve-se ter um programa visualizador de RML 2.0 que são os tipos de arquivos que a caixa disponibiliza no Conectividade Social. Entre os documentos suportados destacam-se o Extrato de Contas para fins decisórios e o extrato analítico do trabalhado.

Como solicitar extrato para fins rescisórios no Conectividade Social?

Para solicitar o extrato deve-se selecionar o serviço de solicitar extrato para fins rescisórios, preencher os campos da pesquisa para localizar a conta vinculada e confirmar a solicitação, capturar o arquivo na caixa postal do softwarel, e visualizar o extrato.

Conectividade Social ICP

Portal da Caixa ou site que permite a troca de dados sobre o FGTS e a Previdência Social para as empresas. Neste canal não é necessário a instalação de arquivos no computador. Muitos falam que este é o substituto do Conectividade Social, que trabalha essencialmente online. Neste modelo, também é preciso apresentar o certificado digital.

No site é permitido transmitir informações geradas pelo sistema de recolhimento do fundo de garantia (Sefip), e informações da previdência social, disponibilizar a guia de recolhimento rescisório, visualizar e imprimir extratos para diversos fins, anunciar desligamentos e afastamentos de funcionários, Receber mensagens da Caixa, Cadastrar procuração eletrônica, entre outros.

O Conectividade Social ICP é a evolução do antigo programa da Caixa. Hoje ele é completamente online. Entre as vantagens do site estão a segurança, a simplificação do contato entre empregadores e a Caixa, fazendo um processo muito mais ágil, facilitando trocar informações e o recolher o fundo de garantia, maior eficiência, e é mais acessível, um dispositivo de interlocução direto com o fundo.

Para acessar é necessário ter o certificado digital ICP-Brasil. Com o certificado em mãos, em um pen drive inserido na porta USB, acesse o link  www.conectividade.caixa.gov.br, selecione o certificado disponível no quadro e informe a senha. Faça o login e entre no site.

É importante salientar que o site funciona utilizando o Internet Explorer. Além disso, é necessário que o computador possua o software gestor de certificado digital instalado, porta USB e quaisquer complemento de software requeridos pelo canal.

Deve-se realizar o registro do certificado no site na primeira vez que você o acessar. Para tal é preciso inserir o certificado na porta USB ou outro leitor, acessar o site, selecionar o certificado no quadro, digitar a senha e clicar em OK.

Para certificado PJ clicar no botão continuar na primeira tela apresentada, chamada registro. Marcar a caixa aceito, e clicar em continuar. Selecionar o perfil, se é empresa, agente arrecadador, agente moradia, sindicato, entre outros, e quando apresentar a relação de serviços clicar em continuar. Deve-se ler o termo de contrato e clicar em aceito. Depois a entrada no canal fica disponível.

Para certificado PF você clica no botão continuar, marca a caixa aceito, e clica em continuar. Selecione então o perfil, pessoa física ou magistrado e clica em continuar. Os serviços disponibilizados são apresentados, você clica em continuar. O termo de contrato aparece, você clica aceito. O ingresso ao site então é disponibilizado.

Informações do trabalhador

No site é possível entre outras coisas solicitar o extrato do trabalhador. Para isso, deve-se entrar no site, selecionar a opção empregador, clicar em comunicar movimentação do trabalhador, informar os atributos referentes aos dados do trabalhador e clicar em continuar, então o extrato é apresentado, podendo ser visualizado ou impresso.

O portal é um dispositivo online de transmissão de arquivos e dados gerados pelos programas Sistema Empresa de Recolhimento do fundo de garantia, (Sefip), mais informações à Previdência e o Guia de Recolhimento Rescisório do FGTS, (GRRF Eletrônica). Com o sistema é possível garantir uma troca de informações ágil, fácil e segura.

Como o sistema está na web, é possível acessá-lo de qualquer computador, desde que você tenha preparado ele para receber o certificado. A partir daí é possível fazer o login e entrar na página.

O serviço do site pode ser utilizado por empregadores pessoa física, empregadores pessoa jurídica, microempreendedores individuais e pequenas empresas, médias e grandes empresas, escritórios de contabilidade, órgãos fiscais, departamentos pessoais – recursos humanos.

Certificado Digital Padrão ICP-Brasil

Ele pode ser adquirido em uma autoridade certificadora que possua credencial feita pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI). A relação das certificadoras pode ser acessada no site da ITI, onde você pode receber informações a respeito das regras de emissão, legislação, regulamentos, e sobre como obter o certificado.

Conectividade Social para MEI e Empregador Doméstico

Os serviços destacados disponíveis pelo site são: acesso à empresa outorgante; alteração do endereço do trabalhador; comunicação da movimentação do trabalhador; consulta de extrato e créditos complementares; retificação dos dados do empregador e do trabalhador; cálculo da GRRF; solicitação da devolução de valores do FGTS; entre outros.

Através do portal os empregadores são favorecidos pela desburocratização e facilidade com que conseguem recolher o FGTS e a Previdência Social. Interagir com os empregadores e empregados ficou também mais tranquila, a troca de informações ficou mais ágil, assim como o recolhimento do fundo de garantia.

Além de disponibilizar um contato direto com a Caixa, o portal trouxe uma redução nos custos operacionais, simplificou processos, e aperfeiçoou a segurança, transmitindo confiabilidade aos trâmites legais. As novas funcionalidades garantiram uma maior eficiência, além de possibilitar a realização de serviços que antes eram disponibilizados apenas presencialmente.

O portal é imprescindível para a difusão e retransmissão de dados como o FGTS dos funcionários da empresa, alterações cadastrais, comunicação referente a afastamento/demissão de funcionários, transferência de benefícios à sociedade, entre outros.

ICP significa Infra-estrutura de Chaves Públicas e é um conjunto de técnicas, procedimentos e práticas criado para suportar um sistema de criptografia baseado em certificados digitais.É a sigla brasileira para PKI, Public Key Infrastructure.

O site da Caixa tem a vantagem de ser 100% online. Ele traz diversas facilidades em comparação com o antigo programa. Possui uma conexão segura e possibilita o envio de arquivos Sefip, GRRF, além de receber relatórios via caixa postal.

A sociedade Brasileira, e por que não dizer, mundial, está vivendo uma era de transformações A internet está presente em quase todas as casas, principalmente depois da pandemia que fez com que as atividades na web multiplicassem. É a era do Big Data, os dados, as informações das pessoas são importantíssimas para as empresas. Serviços que eram oferecidos presencialmente foram para o mundo digital. E o mesmo aconteceu com os bancos, que se adaptaram e buscaram oferecer comodidade às pessoas.

O portal Conectividade Social é um exemplo de tecnologia implementada para oferecer serviços essenciais para as pessoas, auxiliando na inclusão digital dos brasileiros. Ele garante assim, o acesso a serviços importantes para toda a população.

O portal da Caixa busca reduzir a burocracia e agilizar o trabalho do empresário ou contador. Um dos maiores problemas com a Caixa era na hora de se fazer o acerto para o saque do fundo de garantia. Com o novo site a relação de empregador com o banco ficou mais ágil e simples.

Como é um portal que possibilita o envio, as consultas e o compartilhamento de informações do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, (FGTS) e da Previdência Social, tem como objetivo facilitar o trabalho do empresário ou contador tornando os órgãos de fiscalização mais práticos. Pode-se inclusive regularizar a empresa que esteja com algum desvio.

A exigência da certificação torna o sistema ainda mais protegido. Ele serve também como uma assinatura de contratos online, além disso ele permite que se tirem notas fiscais eletrônicas, fazer transações bancárias, entre outras formas de interações eletrônicas.

Com a ajuda do portal você consegue acessar os dados dos FGTS de seus trabalhadores que estão vinculados à sua empresa. Pode-se alterar os cadastros e comunicar afastamentos além de fornecer informações atualizadas diretamente. Desligar um funcionário também ficou mais fácil utilizando o portal. O acerto ficou facilitado, o funcionário só precisa ir em uma agência fazer o saque.

Entre as funcionalidades do portal de destacam o recolhimento do fundo de garantia, a obtenção da Guia de Recolhimento Rescisório do FGTS (GRRF), a transmissão de informações á Previdência Social, a consulta a extratos do trabalhador, desligamento de funcionário e o recebimento de comunicados da Caixa.

É um portal que traz uma funcionalidade sem igual. Pelo modo como é feito o login, utilizando o certificado, a segurança das informações está garantida. É considerado um sistema simples pelo fato de se poder acessar de qualquer computador, além de se poder trocar informações importantes para ambos os lados.

Os processos que precisam dessa interação ficam mais eficientes, otimizados, trazendo mais praticidade no dia a dia, além de diminuir o custo das operações, a burocracia nos processos e diminuindo até as reclamações no momento que for resolver alguma pendência com relação a seu empregado.

O sistema online tem diversas facilidades, as atualizações são mais rápidas, não é preciso instalar novamente o programa após mudar de computador, o acesso às informações ficam mais fáceis. No programa antigo você tinha que atualizar o software para conseguir enviar dados para o banco. Hoje é muito mais simples, podendo ser feito a qualquer hora por qualquer funcionário.

Para acessar o portal é necessário que seu computador tenha 1Gb de memória RAM, acesso à internet banda larga, certificado padrão ICP – Brasil, Software gestor de certificação digital instalado, pen drive ou outro periférico que possa ser lido com o certificado, navegador Internet Explorer e Java.

O portal Conectividade Social é uma tecnologia de ponta que permite a interação empresa, FGTS, Previdência Social, entre outros. Com uma facilidade impressionante você consegue fazer processos que antes demoravam muito tempo. Com ele você vê como anda o extrato de seus funcionários e realiza diversas ações no âmbito profissional.

O portal Conectividade Social ICP representa um avanço e tanto pela utilização de tecnologias modernas no Brasil, cujo serviço beneficia milhões de pessoas. O Brasil está cada vez mais online e isto garantirá maior agilidade em processos que antes demoravam muito tempo para serem feitos.

Desculpe, os comentários deste artigo estão encerrados.

4 Comentários

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.