Como corrigir erro no cadastro do PIS?

Você é mais uma das pessoas que está tentando acessar o aplicativo de benefício social do PIS e não está conseguindo acesso por conta da mensagem “erro acesso arquivo cadastral PIS”? aprenda agora como corrigir erro no cadastro do PIS.

Diversos trabalhadores formais estão relatando dificuldades de acesso ao aplicativo que permite consultas e saques do benefício sociais e trabalhistas por conta do erro no cadastro do PIS.

De acordo com a mensagem exibida, logo é possível perceber que há algum erro relacionado ao cadastro deste trabalhador formal dentro do Programa de Integração Social (PIS).

Isso é contatado devido a divergências de informações entre o cadastro do PIS e os dados da Receita Federal.

Sem a conciliação destes dados, o cidadão não consegue acessar a plataforma e sua consulta ao benefício fica inviabilizada.

É este número que permite que ele tenha acesso a benefícios como saque do abono do PIS, auxilio emergencial, FGTS, bolsa família e outros programas do governo federal.

O PIS é muito importante para todos os trabalhadores formais e você não pode deixar de ter acesso a ele. Quer saber como corrigir o erro no cadastro do PIS?

Então continua aqui com a gente e aprenda agora como solucionar este problema. Confira a seguir!

Erro no cadastro do PIS: por que acontece?

O erro no cadastro do PIS pode acontecer por conta de divergência de informações, ou seja, se os dados contidos na Receita Federal estivem divergentes dos informados no cadastro do NIS do trabalhador formal, logo este cadastro será suscetível a erros de acesso.

Se informações como o nome do titular, do Cadastro do Número de Identificação Social, nome da mãe ou, até mesmo, a data de nascimento estiver diferente de um cadastro para o outro, já é motivo para ocorrer erro no cadastro do PIS.

O NIS é o Número de Identificação Social que cada brasileiro que não tem um trabalho formal possui. Assim que ele passa a ter a carteira assinada, o cidadão continua com o mesmo número. Porém apenas a nomenclatura irá modificar, se tornando, agora, o PIS.

O aplicativo possui uma base de dados de consulta na Receita Federal. Por isso que quando você o acessa, você insere os dados de CPF.

Por conta dessa diferente de cadastro, as informações de PIS com a Receita Federal não batem, deixando que os registros fiquem sem correspondências entre si.

Como corrigir erro no cadastro do PIS?

Para aqueles que estão tendo a mensagem de erro no cadastro do PIS, saiba que a sua correção pode ser realizada apenas presencialmente em qualquer agência da Caixa Econômica Federal pelo próprio titular do número do PIS.

Porém, agora em meio a uma pandemia, é preciso consultar as regras de atendimento das agências para respeitar o distanciamento e evitar aglomerações de acordo com a prefeitura de cada município.

E para realizar o procedimento de correção do erro no cadastro do PIS é preciso levar os documentos obrigatórios até a agência.

Como documento, é preciso apresentar algum que tenha foto para comprovação de identidade e titularidade do número do PIS. Este documento com foto pode ser qualquer um listado abaixo:

Além da apresentação desses documentos, para poder realizar a etapa do procedimento de alteração cadastral para correção do erro no cadastro do PIS é preciso levar:

O título de eleitor será utilizado para a junção de todos os dados apresentados anteriormente e finalização de comprovação de titularidade.

Caso não seja apresentado este documento, o processo de correção do erro no cadastro do PIS pode ser comprometido.

Cada procedimento burocrático é realizado e é de obrigatoriedade para proteção da integridade dos dados de cada cidadão, sempre prezando pela qualidade e evitando riscos de golpes e fraudes.

Você sabe qual é a diferença entre PIS e NIS?

O Número de Identificação Socia (NIS) é utilizado para categorizar as pessoas que ainda não possuem um emprego formal, ou seja, pessoas que ainda não trabalham ou prestam serviços de forma autônoma, sem registro, sem um vínculo empregatício.

Já o Programa de Integração Social (PIS), é para categorizar as pessoas que possuem, ou já tiveram, um emprego formal, ou seja, dentro do contrato da CLT com carteira assinada.

Dessa forma, sabendo o que é cada uma das siglas, podemos dizer que o PIS e o NIS teoricamente são utilizados apenas para distinguir grupos de pessoas que tenham vínculo empregatício (PIS) das pessoas que não possuem (NIS).

Porém, na prática, ambos não possuem diferença. Isso porque o mesmo número que é aplicado a um, é utilizado no outro. O que muda é apenas a sua nomenclatura para diferenciar o tipo da origem do trabalho.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.