Carteira de trabalho digital app: veja como funciona

A carteira de trabalho é um documento muito importante para o trabalhador. Atualmente ela evoluiu, tendo a sua versão virtual. É a carteira de trabalho digital app que através do celular possibilita ao profissional acessar as suas informações empregatícias.

A carteira online foi criada em 2017, mas apenas em 2019 ela pôde ser a substituta do documento impresso. Através dos celulares e da internet é possível acessar as informações do profissional.

O processo é mais ágil e otimizado. Através da carteira de trabalho digital app. O trabalhador consegue acessar informações que antes só eram veiculadas pelo documento impresso.

O documento foi feito visando facilitar a vida do trabalhador e do empregador. Este último, pode ir ao site do eSocial onde encontrará todos os dados do profissional, agilizando o processo de contratação do mesmo. Para isso, ele só precisa do número do CPF do trabalhador.

Fazer a carteira digital é fácil, além disso, é grátis. O app está disponível para os sistemas Android e IOS. Com o aplicativo instalado no celular, o empregado pode ter em mãos os seus dados empregatícios de qualquer lugar do mundo.

Na verdade, o documento digital está disponível para todos os brasileiros que possuam CPF. Para ter o documento virtual, é necessário que o trabalhador entre no site do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e se cadastre.

Como fazer a carteira de trabalho digital

Para fazer o documento virtual, vá ao site do MTEwww.gov.br/trabalho e abra uma conta. É necessário preencher vários campos para se cadastrar como, por exemplo, o nome, nascimento, entre outras informações pessoais.

O site vai pedir para o usuário ativar a conta através de SMS ou do e-mail. Ao fazer a ativação, sua conta estará pronta. Após o cadastro, o profissional pode fazer a instalação do app da carteira de trabalho online.

Para fazer a instalação do aplicativo, entre na loja de apps de sua preferência e procure por CTPS digital. Abra o aplicativo e veja as informações. Clique em entrar. Utilize a senha e o login do cadastro feito no site do ministério, insira o número do seu CPF e clique em prosseguir.

Com o aplicativo instalado, o trabalhador poderá ter acesso a todas as informações que estavam disponíveis em sua carteira física. Caso tenha interesse, ele ainda pode acrescentar uma foto 3×4 no documento digital.

O número da carteira virtual passará a ser o mesmo número do CPF. Dessa forma ficará mais fácil encontrar as informações do trabalhador. O processo é simples e rápido agilizando a emissão da carteira e desburocratizando o serviço.

Simplificando a emissão da carteira de trabalho

O governo criou a carteira de trabalho digital buscando facilitar e desburocratizar a emissão do importante documento. Para ter acesso às informações do trabalhador, o empregador necessita apenas do CPF do mesmo.

As informações do profissional estarão disponíveis nos meios virtuais, podendo ser encontradas de qualquer lugar do mundo. Para o governo essa otimização do procedimento de emissão da carteira ajudará a economia do país.

Ademais, as mesmas informações da carteira física estarão na virtual, como a data de admissão e demissão do funcionário, suas férias, salário, número do PIS, FGTS, seguro-desemprego, entre outras.

No entanto, deve-se ter em mente que nem todos os empregadores utilizam os meios digitais. Por isso, indica-se que o profissional não se descarte da carteira de trabalho impressa, pelo contrário, ele deve pô-la em local seguro para o caso de uma eventualidade.

A carteira de trabalho tem um papel importante na formalização do profissional. Com ela, o trabalhador tem seus direitos e deveres garantidos por lei. O documento virtual desburocratiza a emissão do documento, acabando com filas intermináveis nas repartições públicas.

O documento digital tem o mesmo valor da carteira de trabalho impressa. Ele evoluiu trazendo mais comodidade para o dia a dia do profissional. Todas as informações antigas do trabalhador estão no documento.

A carteira de trabalho é obrigatória para o profissional que deseja ser formalizado. O empregador também deve fazer o registro do empregado em até 48 horas. Dessa forma todos estarão legalizados.

Conclusão

A carteira de trabalho foi criada em 1904. De lá para cá ela tem se atualizado de acordo com os novos tempos. Desde os tempos remotos, os profissionais de todo o país sentem a necessidade de se formalizar e garantir seus direitos.

A carteira de trabalho mostra o histórico profissional do empregado. Dessa forma, o empregador estará seguro de quem está contratando. Antes, a carteira azul era um documento criado visando a evitar fraudes.

Atualmente, a carteira de trabalho digital traz mais segurança ao profissional. Ela garante os direitos do empregado de forma moderna e prática, otimizando o processo de emissão e facilitando o acesso às informações.

O documento virtual estará à mostra de quem precisar de forma prática e fácil. O processo de admissão do trabalhador será mais rápido, fazendo com que a sua contratação aconteça sem grandes percalços.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.