Como emitir CNPJ

Para emitir CNPJ deve-se ir ao site da Receita Federal, ou caso queira, contratar um profissional especializado. Na página, há um passo a passo do órgão que instrui como fazer.

O CNPJ é como se fosse o CPF de uma empresa. Com o cadastro o empreendimento prova que existe e que está ativo. No Brasil há cerca de 4,5 milhões de CNPJs em todo o país.

O Governo passou algum tempo a disponibilizar no site RedeSim, um modo de se emitir CNPJ. A página facilita a abertura de empresas, tornando o processo fácil, instintivo e ágil.

Através do site você consulta se há alguma outra empresa com o mesmo nome. Também há a possibilidade de fazer o cadastro preenchendo os campos com a localização e o ramo de atividade.

As informações estão presentes nos órgãos destinados ao registro, como Juntas Comerciais, Cartórios de Registro Civil de Pessoas Jurídicas ou na OAB. Ainda no site, você deverá informar o endereço, quadro de sócios, atividade, entre outros.

A Pessoa Jurídica então é constituída, desta maneira, receberá o seu Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica, o CNPJ. Assim sendo, seu empreendimento estará em vias de ser formalizado.

Após esta etapa, o órgão regulador fará uma análise de suas informações para saber coisas como se o estabelecimento preenche requisitos como segurança sanitária, controle ambiental, prevenção contra incêndios, pânico, entre outros.

A RedeSim interliga todos os órgãos reguladores em um só. Desta maneira, o cadastro da empresa é facilitado. Em um ambiente há como preencher as informações necessárias para se abrir uma empresa. No entanto, a Rede não está em todas as cidades, deve-se consultar o site para saber se eles trabalham na sua.

Razão para se emitir CNPJ

Ao se ter um CNPJ você garante direitos e deveres que um negócio informal não pode ter, como por exemplo, a emissão de notas fiscais. O cadastro, prova que a sua empresa existe, sendo uma oportunidade para mostrar ao seu cliente e seus parceiros que você está em dia com suas obrigações legais.

Há a possibilidade de se conseguir empréstimos para a empresa. Desta maneira você pode investir nela e garantir seu desenvolvimento, coisa que não se pode fazer estando na informalidade. Existem diversas linhas de crédito destinadas às empresas.

Tendo um CNPJ você pode contribuir para a previdência, sendo uma importante ferramenta para garantir uma aposentadoria no futuro. Existem ainda previstos em lei o auxílio-doença e a licença maternidade que podem ser contemplados pelo INSS.

Existem ainda as vantagens de se receber os benefícios de uma pessoa jurídica trabalhando para outras empresas e garantindo direitos trabalhistas para seus funcionários e colaboradores.

Ao emitir CNPJ sua empresa passa a poder emitir notas fiscais, participar de licitações públicas, abrir contas bancárias, pedir empréstimos, registrar seus funcionários e pagar tributos relacionados a ela.

O CNPJ é o primeiro registro público da empresa. É como se fosse a certidão de nascimento. Ele prova que o empreendimento existe e está ativo. Desta maneira, ao ser consultado, a pessoa verá que seu negócio possui credibilidade e é sério.

Consultando o CNPJ

A consulta ao CNPJ é pública e gratuita. Qualquer pessoa com posse dos números cadastrais pode entrar no site da Receita Federal e ver as informações e dados relacionados à empresa consultada.

O Serviço possui o nome de Emissão de Comprovante de Situação Cadastral. Na página da RF você insere o número do cadastro e clique em consultar. Em pouco tempo você terá em mãos as informações da empresa em questão.

É uma boa oportunidade para pesquisar sobre a empresa que você realizará algum negócio. Consultando o cadastro você pode evitar golpes e fraudes, tendo muito mais segurança na realização de negócios e parcerias.

Conclusão

Emitir CNPJ é uma grande responsabilidade, pois permite que você faça negócios de forma segura, regulamentada e formalizada. O cadastro garante deveres e direitos para o empreendedor. A desburocratização do processo de abertura de uma empresa veio para facilitar e tornar mais ágil.

Hoje em dia, através da internet pode-se abrir uma empresa. Sendo necessário ter alguns documentos em mãos que provarão que seu empreendimento existe, tem nome, endereço e contato.

O CNPJ formaliza seus negócios. Quando o trabalho, às vezes autônomo, por exemplo, começa a se desenvolver, há a necessidade de se formalizar o empreendimento e assim, poder crescer de uma forma que a informalidade não permite.

Consultar um CNPJ é muito fácil. Através da consulta, paga ou gratuita, você conhece mais a fundo a empresa que está fazendo negócio, dando mais segurança às suas transações comerciais.

O Cadastro Nacional de Pessoa Física é uma ótima oportunidade de você formalizar seu negócio e ter direitos e deveres inerentes a ele e assim poder crescer e se desenvolver de acordo com todos os trâmites legais.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.