Quanto custa para registrar um funcionário MEI?

Você sabe quanto custa para registrar um funcionário MEI? Esta modalidade empresarial, chama bastante a atenção daqueles que desejam sair da informalidade. Afinal, apresentam muitas facilidades e menos processos burocráticos que outros tipos de empresa.

Podendo fazer a contratação de até dois funcionários registrados pela CLT, o microempreendedor precisa estar por dentro dos custos envolvidos.

Então, conheça a seguir quanto custa para registrar um funcionário MEI e outras informações referentes ao tema.

Contratação de funcionários MEI

Como dito anteriormente, o MEI pode fazer a contratação de até 2 funcionários para sua microempresa. Contudo, não é apenas o seu salário que ele paga. Há custos de contratação envolvidos neste processo. Conheça maiores detalhes sobre eles a seguir.

Quanto custa para registrar um funcionário MEI?

O custo para registrar um funcionário MEI varia de acordo com o valor do salário mínimo atual.

Em 2022, o salário mínimo está avaliado em R$ 1.212,00. Logo, o microempreendedor precisa arcar com o custo de 11% em cima deste valor. Portanto, a resposta para a pergunta “quanto custa registrar um funcionário MEI” é de R$ 133,32 mensais por funcionário.

Este valor é pago através de um documento chamado Guia da Previdência Social, popularmente conhecido por sua sigla GAP.

Dentro deste valor pago no GAP, 3% do valor é de responsabilidade da empresa, ou seja, do próprio microempreendedor individual. Enquanto os outros 8% é referente ao valor que é descontado mensalmente do funcionário.

Este valor de desconto é a contribuição mensal ao INSS que todo funcionário com vínculo à Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) precisa fazer obrigatoriamente.

Variações de valores a serem pagos

Vale ressaltar que os valores pagos tanto para o salário como também a porcentagem de desconto em carteira podem ser divergentes do padrão, variando de acordo com cada caso.

Então, vale dizer que para funcionários que possuem um valor de salário bem superior a um salário mínimo em carteira, o seu desconto chega a 11%.

Contudo, o valor pago pelo microempreendedor sobre a alíquota do INSS de 3%, não se altera. Afinal, de acordo com a tabela de contribuição mensal ao INSS, apenas a porcentagem do funcionário pode ser alterada de acordo com oseu salário base.

Depósito do FGTS

É de obrigatoriedade do MEI fazer o pagamento de 8% em cima do salário do funcionário referente ao FGTS.

Saiba qual é o custo total para ter um funcionário MEI

Quando você faz a contratação de um funcionário, o seu custo total é o equivalente a 11% em cima da folha do salário deste funcionário. Dentro destes 11%, você já faz o pagamento de 3% para o INSS e 8% para o FGTS.

Assim, dentro dos custos atualizados de 2022, o custo para ter um funcionário é de R$ 133,32.

Como contratar um funcionário

A contratação de um funcionário deve levar em conta que o valor de seu salário deve ser, no mínimo, um salário mínimo ou de acordo com o piso salarial da categoria deste profissional.

Assim, como empregador, você irá custear o valor de, no mínimo, R$ 133,32 para o pagamento do FGTS, INSS, entre outros tributos.

Este valor é pago além do que já é de obrigatoriedade ao MEI, o Documento de Arrecadação Simplificado (DAS).

Além disso, é de suma importância salientar que os valores destes encargos são pagos proporcionalmente ao salário base. Logo, quando o valor do salário do funcionário muda, o valor de pagamento da GAP também se altera. Vale também para os casos de funcionários que são contratados baseados no valor do salário mínimo vigente.

Outra questão é que todo o processo burocrático para a contratação do seu funcionário, deve ser feito através do sistema do Governo chamado e-Social. para acessá-lo, basta utilizar o seu acesso com certificado digital ou com o código de acesso e senha que é gerado automaticamente na própria plataforma. Mas, se você estiver fazendo o seu primeiro acesso, é só clicar na opção “primeiro acesso” e realizar o seu cadastro.

Por fim, você deverá ter em mente que esta contratação tem a obrigatoriedade de ser feita pelo e-Social. Dessa forma, você terá os cálculos do valor de pagamento do GAP que inclui o INSS e o FGTS feitos automaticamente e sem erro. Com este sistema, todos os valores a serem pagos trazem muito mais segurança para você e também para o seu empregado, tudo dentro dos direitos trabalhistas.

Não fique com dúvidas sobre quanto custa para registrar um funcionário MEI

Então, caso você ainda tenha dúvidas sobre quanto custa para registrar um funcionário MEI ou sobre , não deixe de comentar aqui no nosso post. Assim, podemos orientar seus próximos passos para você ter um funcionário. Mas, caso você tenha alguma experiência, compartilhe também com os outros leitores. Estamos aguardando a sua mensagem. Até a próxima!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.