O que é MEI

O Microempreendedor Individual (MEI) é uma opção para quem deseja abrir um negócio sem a necessidade de grandes investimentos iniciais e burocracias. Ele é voltado para pessoas físicas que desejam trabalhar como autônomo e tem uma renda anual de até R$ 81.000,00. Neste artigo, vamos explicar o que é o MEI, quais são as suas vantagens e desvantagens e como se tornar um MEI.

O que é o MEI

MEI é a sigla para Microempreendedor Individual. Ele é uma opção para quem deseja abrir um negócio sem precisar se preocupar com grandes burocracias e investimentos iniciais. Ele é voltado para pessoas físicas que desejam trabalhar como autônomo e tem uma renda anual de até R$ 81.000,00.

O MEI tem algumas vantagens, como:

  • Simplicidade: o processo de abertura de uma empresa MEI é simples e pode ser feito online.
  • Isenção de alguns impostos: o MEI está isento de alguns impostos, como o Imposto de Renda.
  • Facilidade para emissão de nota fiscal eletrônica
  • Possibilidade de contratar um empregado
  • Acesso ao Simples Nacional

Desvantagens do MEI

Apesar das vantagens, o MEI também tem algumas desvantagens, como:

  • Limite de faturamento: o MEI tem um limite de faturamento anual de R$ 81.000,00. Caso o MEI ultrapasse esse limite, ele perde o enquadramento como MEI e passa a ser tributado como uma empresa comum.
  • Restrições de atividades: algumas atividades são proibidas para MEI, como atividades de construção civil e prestação de serviços financeiros.
  • Obrigações fiscais: mesmo com algumas isenções, o MEI ainda tem algumas obrigações fiscais a cumprir, como a emissão de nota fiscal eletrônica e o pagamento do DAS.

Como se tornar um MEI

Para se tornar um Microempreendedor Individual, é necessário atender a alguns requisitos, como:

  • Não ter participação em outra empresa como sócio ou titular;
  • Não ter mais de um CNPJ ativo;
  • Não exercer atividade proibida ao MEI;
  • Ter renda anual de até R$ 81.000,00.
Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.